Equipe da capital mineira pode perder por até um gol de diferença que garante presença na decisão estadual

O Cruzeiro conquistou uma ótima vantagem no jogo de ida da semifinal do Campeonato Mineiro diante do Boa Esporte , mas mesmo podendo perder o duelo deste domingo, às 16 horas (de Brasília), no Mineirão, a comissão técnica celeste decidiu escalar uma equipe forte. A ideia é não facilitar a vida da equipe de Varginha, e, assim, evitar surpresas.

O Cruzeiro pode até perder por um gol de diferença, que mesmo assim avança para decidir o título estadual. Apesar da vantagem adquirida no jogo de ida, o goleiro e capitão Fábio prega respeito e cautela, alegando que o time do Sul de Minas vai buscar a vitória mesmo jogando no Mineirão.

"Enquanto houver chances, o Boa tentará buscar o seu resultado. Temos de entrar concentrados na dificuldade que vamos encontrar. Todo atleta gosta de jogar finais de campeonato e estamos focados para alcançar este objetivo", declarou o goleiro cruzeirense.

Sobre a equipe que entra em campo, Everton Ribeiro será poupado. Já Ricardo Goulart está confirmado na equipe titular. Na lateral esquerda, o paraguaio Samudio parece mesmo ter ganhado a confiança de Marcelo Oliveira e começa o jogo contra o Boa Esporte. No ataque, a Raposa terá o retorno de Dagoberto, formando dupla com Júlio Baptista.

O atacante Marcelo Moreno, entregue ao departamento médico, e o avante Borges, aprimorando a forma física após se recuperar de lesão, ficam fora da semifinal deste domingo. O duelo contra o Boa Esporte será uma espécie de ensaio para o jogo de 3 de abril contra a La U pela Libertadores, partida que será decisiva para os celestes.

No Boa Esporte, somente a vitória interessa se a equipe quiser decidir o título estadual. O técnico Ney da Matta sabe da necessidade, mas também entende que não possível jogar de forma agressiva durante 90 minutos contra o Cruzeiro dentro do Mineirão. Por isso, o treinador boveta que os comandados atuando com inteligência.

"Nós temos que saber que estamos jogando com um time que é campeão brasileiro. Não temos que mudar nada do que foi feito. Que os jogadores possam respeitar taticamente, que sejam inteligentes para quebrar essa velocidade do Cruzeiro, que, principalmente dentro do Mineirão, costuma partir para cima", declarou.

Para seguir no Mineiro, o Boa Esporte precisa vencer por dois gols de diferença, missão considerada difícil pela comissão técnica e pelos jogadores, que entendem que o time de Varginha já cumpriu o objetivo de ser campeão do interior chegando até as semifinais do Estadual.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO X BOA ESPORTE

Local:  Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 30 de março de 2014, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Wanderson Alves de Souza (CBF/FMF)
Assistentes: Frederico Soares Vilarinho (CBF/FMF) e Ricardo Vieira Rodrigues (CBF/FMF)

CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Dedé, Bruno Rodrigo e Samudio; Nilton, Lucas Silva, Nilton, Marlone e Willian; Dagoberto e Júlio Baptista
Técnico: Marcelo Oliveira

BOA ESPORTE: Leandro; Edmar, Carciano, Neylor e Marinho Donizete; Mateus, Moisés, Marcel e Filipinho; Francismar e Malaquias
Técnico: Ney da Matta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.