Marlone, titular na vaga de Gourlat, elogia movimentação e já fala em descanso para a Copa Libertadores

O Cruzeiro não conseguiu fazer uma atuação brilhante diante do Boa Esporte, mas fez o suficiente para conquistar a vitória no Mineirão, o que garantiu o time na final do Mineiro. O meia-atacante Marlone, que foi titular na vaga de Ricardo Goulart, afirma que a equipe procurou se movimentar, mas encontrou dificuldades na marcação boveta, o que para o atleta valoriza ainda o triunfo cruzeirense.

 Leia também:  Cruzeiro despacha o Boa Esporte e garante vaga na final do Mineiro

"Procuramos nos movimentar o tempo todo, mas eles marcam muito individual. O que importa é a vitória. Meu gol não saiu, mas está de parabéns todo o grupo. Agora é focar porque temos uma semana decisiva, mais finais pela frente, e vamos descansar para estes jogos", declarou.

Willian tem opinião semelhante a do companheiro. "Não foi aquele jogo brilhante, mas o suficiente para conseguirmos chegar até a final", disse o atacante celeste, que afirma que o foco agora passa a ser na Libertadores, já que na quinta-feira, a equipe tem duelo decisivo contra os chilenos da La U, em Santiago.

"Agora é descansar para a decisão de quinta-feira. A gente sabe que é um momento decisivo, o jogo mais importante deste ano, e estamos unidos para mostrarmos nossa força. Com fé em Deus vamos fazer uma grande partida e trazer a vitória para Belo Horizonte", afirmou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.