Treinador ganhou fôlego na reta final, quando teve a melhor campanha, mas não resistiu à derrota para o Atlético-PR

A notícia já era esperada, mas explodiu apenas nesta terça-feira. O técnico Milton Mendes deixou o comando do Paraná Clube após a queda nas quartas de final do Campeonato Paranaense. Depois de um início contestado, com resultados ruins, o treinador ganhou fôlego na reta final da primeira fase, quando levou o time à melhor campanha, mas não resistiu à derrota para o Atlétic-PR sub-23.

Mesmo com 19 reforços, Mendes teve dificuldades pra montar a equipe, especialmente no ataque. Porém, o maior problema enfrentado foi fora de campo. Com atraso no pagamento de salários, que se arrastam desde a última temporada, o elenco vivia sob tensão e, por mais que o assunto fosse desviado, ficava dificil não levar para dentro de campo a situação, que e tornou insustentável.

O presidente Rubens Bohlen, que aceitou o pedido, agradeceu o trabalho do treinador e agora terá o desafio de encontrar um novo nome até a partida de volta da primeira fase da Copa do Brasil, dia 10 de abril, diante do São Bernardo. "Agradecemos o profissionalismo e o empenho de Milton Mendes e seu auxiliar Rodolfo Correia durante o tempo em que estiveram no comando técnico da equipe", finalizou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.