Após a saída do atacante para o Barça, Santos finalmente se reencontrou e tem a melhor campanha do Paulistão

Santos comemora gol no Paulistão: habitual
Ivan Storti/Divulgação Santos FC
Santos comemora gol no Paulistão: habitual

Até maio de 2013 o Santos contava com os dribles e gols de Neymar, e de lá para cá o time se esforçou para se virar sem seu principal jogador. Agora, mais de nove meses depois da saída do atacante para o Barcelona, o time, enfim, atingiu a meta. Sob o comando de Oswaldo de Oliveira, faz campanha avassaladora no Paulistão, com direito ao melhor ataque da competição e números melhores que nos tempos do astro.

O Santos será campeão paulista de 2014? Opine e discuta com outros leitores

Dono do ataque mais positivo do torneio, o Santos soma 32 pontos nas 13 partidas disputadas até aqui. São 10 vitórias, dois empates e somente uma derrota. E o ataque largou de vez a dependência de Neymar. Mais do que isso, o time retomou os hábitos ofensivos dos tempos áureos, e o ataque ainda se tornou democrático.

Veja classificação, notícias, jogos e artilharia do Campeonato Paulista

O Santos já marcou 34 gols, média de 2,6 por jogo, e tem disparado a melhor campanha ofensiva do Paulistão. Porém, nenhum jogador se destaca, com vários deles balançando as redes. Curiosamente, quatro deles dividem a artilharia do time com cinco gols: Cícero, Gabriel, Geuvânio e Thiago Ribeiro, enquanto Leandro Damião tem quatro.

Neymar brilhou com a camisa santista e deixou a equipe em maio de 2013
Gazeta Press
Neymar brilhou com a camisa santista e deixou a equipe em maio de 2013


Nos mesmos 13 jogos no ano passado, o Santos havia marcado 24 gols, média de 1,8 por partida, e sofrido 16. Na época, Neymar era o artilheiro com seis, 25% dos gols santistas. Porém, depois da transferência do atacante para o Barcelona, o time não teve campanha empolgante no Brasileirão e trocou o técnico Claudinei Oliveira por Oswaldo de Oliveira.

A mescla de jogadores jovens e experientes tornou o time rápido e envolvente. O atacante Thiago Ribeiro acredita que o bom momento da equipe deixa os novos valores com mais tranquilidade para jogar.

Oswaldo de Oliveira chegou ao Santos em janeiro e acumula 10 vitórias em 13 partidas
Ricardo Saibun/ Gazeta Press
Oswaldo de Oliveira chegou ao Santos em janeiro e acumula 10 vitórias em 13 partidas

"Com os resultados favoráveis, fica mais fácil para a molecada entrar, já que não há tanta pressão. É importante ressaltar o coletivo do nosso time, que está indo muito bem e melhorando a cada jogo", disse Thiago Ribeiro.

Porém, mesmo com o desempenho arrasador, Oswaldo de Oliveira prefere ter os pés no chão. "Temos que reconhecer que nem em todos os jogos vamos conseguir fazer grande número de gols. Temos que estar preparados para uma situação adversa também, e esse foi o maior exemplo. Vejo o Santos amadurecendo, buscando uma condição cada vez melhor", disse o técnico.

Com a melhor campanha do Paulistão, o Santos já está classificado para as quartas de final. Com ou sem o caneco no fim do torneio, o time de Oswaldo de Oliveira afastou de vez a dependência de Neymar e surge como um dos favoritos ao título da competição. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.