A partida foi cancelada ainda no final do 1º tempo devido aos objetos arremessados no gramado pela torcida do Trabzonspor

Nesta segunda-feira, o Trabzonspor recebeu o Fenerbahce em partida válida pela 24ª rodada do Campeonato Turco, mas quem esteve presente ao Hüseyin Avni Aker Stadium só assistiu meio jogo. A partida foi cancelada pela arbitragem ainda no final do primeiro tempo devido aos objetos arremessados no gramado por "Ultras" do time da casa. A confusão ainda continuou fora de campo e o ônibus do Fenerbahce foi atacado por torcedores adversários.

Os visitantes já haviam aberto o placar com gol de Emenike quando os primeiros objetos foram atirados no campo aos 35 minutos da etapa inicial. Após reunir-se com os jogadores no círculo central por dez minutos, o árbitro Bulent Yildirim decidiu retomar a partida, mas foi obrigado a mudar de ideia pouco depois.

O jogo foi definitivamente suspenso nos acréscimos do primeiro tempo, quando o goleiro Demirel, do Fenerbahce, quase foi atingido por um sinalizador arremessado pelos chamados "Ultras" do Trabzonspor - facção que faz bonita festa nos estádios, mas protagoniza episódios violentos com certa frequência.

Como se já não bastasse, os torcedores do time de Trabzon também criaram problemas nos arredores do estádio e, além de enfrentar a polícia, quebraram a pedradas as janelas do ônibus dos visitantes. Os jogadores do Fener foram obrigados a esperar nos vestiários por três horas até que 23 viaturas policiais fizeram a escolta para a saída da delegação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.