Mesmo disputando a Libertadores ao mesmo tempo, Flamengo não perdeu muitos pontos e é líder do Campeonato Carioca

Jayme de Almeida, técnico do Flamengo
Fla Imagem
Jayme de Almeida, técnico do Flamengo

O Flamengo  confirmou o título da Taça Guanabara neste domingo, quando venceu o rival Botafogo. Mesmo disputando a Libertadores e o Campeonato Carioca ao mesmo tempo, os rubro-negros não perderam muitos pontos para os times pequenos e garantiram a primeira posição para as semifinais do Estadual. O técnico Jayme de Almeida destacou que sempre deu importância ao torneio regional e elogiou a força do elenco durante o certame.

"Sempre valorizei o Campeonato Carioca por ter sido criado no Rio, sei da importância desse título. Por ter minha história no clube desde pequeno, sei que títulos do Carioca são importantes. A torcida do Flamengo gosta de ganhar, tem a rivalidade. Por isso sabíamos que não poderíamos abrir mão de disputar e de ficar entre os quatro. Ser campeão foi muito legal pelo o que fizemos nesse período. Esse título é de todos os jogadores. Em momento algum tive dúvida do potencial deles e provaram isso com as várias equipes que entraram em campo", destacou.

Jayme de Almeida ressaltou a importância na manutenção dos bons resultados nesta temporada. O comandante também falou sobre a confiança do elenco com as vitórias no ano. Ele revelou que outro fator para o bom desempenho rubro-negro é o bom ambiente entre os jogadores.

"Futebol é resultado. Temos um grupo grande, mas todos estão motivados e os resultados estão vindo. Isso que nos dá confiança. Quem entra rende bem. O ambiente é tranquilo e muito bom de se trabalhar. Os resultados nos dão a certeza de que podemos seguir com o trabalho. Acho que o título veio através disso. Apostamos na qualidade dos nossos jogadores, confiamos no grupo", encerrou.

Dúvidas na Libertadores

O Flamengo se prepara para o duelo contra o Bolivar nesta quarta-feira, pela Libertadores. Para encarar os bolivianos, Jayme de Almeida não sabe se poderá contar com o lateral-esquerdo André Santos, que ainda não se recuperou de dores na coxa esquerda. Ele deverá ser reavaliado pelo departamento médico nesta terça, quando haverá uma definição sobre sua situação.

Já na outra lateral, Léo Moura fez exames, que não diagnosticaram lesão na coxa. Mesmo assim, ele ainda não está confirmado para a partida no Rio de Janeiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.