Paraguaio diz que entende português, mas que ainda não é sempre compreendido quando fala em espanhol

Mendieta já atua a quase um ano no Palmeiras
Gabriela Chabatura
Mendieta já atua a quase um ano no Palmeiras

Em março, Mendieta completa dez meses no Palmeiras e admite que ainda tem o português como principal obstáculo para ter sucesso no Brasil. O paraguaio garante que está adaptado ao futebol local e, para diminuir a sua característica timidez, conta que tenta falar espanhol mais devagar para se sentir ainda mais confortável no País.

Deixe seu recado e comente com outros leitores

"Eu compreendo quase tudo que falam, eles que não me entendem. Às vezes, fica difícil, falo em espanhol e não entendem nada. Estou tentando falar mais devagar", contou o meia de 25 anos, sorrindo, mostrando-se mais confortável do que antes.

Leia mais: Mendieta agradece por poder servir ao "melhor centroavante do Brasil"

A timidez do ex-jogador do Libertad, única contratação pela qual o Palmeiras gastou dinheiro na temporada passada (cerca de R$ 4 milhões), chegou a gerar preocupação em seus primeiros dias no clube. Mas sua personalidade já não é mais considerada um problema, como garante o próprio atleta.

E ainda: Mendieta supera Bruno César, faz golaço e substitui Valdivia no Palmeiras

"Sou mais tranquilo, não falo muito. Mas os companheiros sempre me ajudam, a todo momento. Agradeço a cada um deles", comentou. "Eu me sinto mais à vontade. Já estou há quase um ano no Palmeiras e todos os companheiros me ajudam. Assim, fica mais tranquilo", insistiu o camisa 8.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Paulista

Em campo, as dificuldades praticamente não existem de acordo com o paraguaio. "A dificuldade foi mais a língua, porque me adaptei muito rápido ao futebol", afirmou Mendieta, que agora tenta deixar para trás qualquer consequência negativa da cirurgia que sofreu no joelho esquerdo, em outubro.

"Infelizmente, tive a lesão quando jogava mais partidas seguidas. Agora quero me readaptar o mais rápido possível depois da lesão", falou o jogador, que deve ter nova chance como titular nesta quinta-feira, contra a Portuguesa, para provar que não é necessário ser fluente no português para convencer no Palmeiras.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.