Zagueiro elogia o esquema do técnico Vinícius Eutrópio, que deu ao time uma das melhores defesas do estadual

Após sofrer apenas sete gols nas nove rodadas da primeira fase do Campeonato Catarinense, o Figueirense chega ao quadrangular com uma das defesas menos vazadas do torneio, mas tem o desfalque do zagueiro Thiago Heleno para o duelo contra o Criciúma , nesta quarta-feira. Podendo assumir a titularidade, Marquinhos elogia o sistema adotado pelo técnico Vinícius Eutrópio no setor defensivo.

"Começa lá na frente. O esquema que o Eutrópio coloca dos jogadores lá na frente pegarem pesado na marcação ajuda. O sistema que nós jogamos é todo mundo se ajudar", exalta o defensor, que vê o bom desempenho na marcação como um dos trunfos do Furacão no quadrangular e exalta a imprevisibilidade do Campeonato Catarinense.

E mais: Marquinhos diz que Figueirense é favorito contra Criciúma e tem dever de vencer

"Todo regional tem uma surpresa. Sempre falavam de cinco grandes e esqueciam os pequenos. Agora é só ver o Metropolitano que vem de uma ótima campanha. Isso é um estadual. Sempre surpreende", analisa Marquinhos, lembrando a classificação do time de Blumenau, que teve a melhor campanha da primeira fase.

Antes de encarar o Metropolitano, porém, o Figueirense tem duelo contra o Criciúma, às 19h30 desta quarta-feira. A partida abre a disputa do quadrangular do estadual e será realizada no estádio Orlando Scarpelli.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.