Tamanho do texto

Treinador foi paciente com o jovem, que atravessava momento ruim, e foi recompensado com boa atuação ante o Bragantino

O técnico Oswaldo de Oliveira já admitiu que não conhecia o meia-atacante Geuvânio antes de chegar ao Santos , no início desta temporada. Porém, em pouco tempo o garoto conquistou a confiança do treinador, que dedicou atenção especial ao atleta durante um período de instabilidade. E o resultado foi positivo.

"Ele percebeu que eu não estava legal nas últimas partidas. Contra o Bragantino, eu estava mais tranquilo, entrei bem e consegui fazer os gols para ajudar a equipe", afirmou Geuvânio, que balançou as redes duas vezes diante da equipe de Bragança Paulista.

Na sexta-feira, Geuvânio renovou o contrato com o Santos até o fim de 2017 e deixou claro que também tem a confiança da diretoria. O jogador recuperou o bom futebol na goleada sobre o Bragantino, quando ganhou um abraço do treinador.

"Ele percebeu isso (que vinha de partidas instáveis) e me deu aquele abraço, deu parabéns e disse que está acreditando em mim. Mesmo eu não jogando tão bem nos últimos jogos, ele me deixou na equipe", comentou o meia-atacante, grato ao técnico.

O atacante foi titular em todas as partidas do Santos neste Campeonato Paulista, ajudando o clube a liderar o grupo C da competição, com 26 pontos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.