"Todos querem o lugar do campeão, por isso vai ser ainda mais difícil do que no ano passado", disse o meia do Atlético-MG

Atual campeão da Libertadores , o Atlético-MG tem a obrigação de defender o título mais importante das Américas, missão que é considerada difícil pelos jogadores do Galo. O craque Ronaldinho Gaúcho garante que os atletas gostam deste tipo de responsabilidade, mas admite que a pressão por bons resultados é maior.

Pela liderança de seu grupo na Libertadores, Atlético-MG recebe Santa Fé

"A dificuldade aumenta, todos querem vencer o atual campeão. Todos querem o lugar do campeão, por isso vai ser ainda mais difícil do que no ano passado. A pressão aumenta, mas isso que o jogador gosta", disse R10, que conta com o apoio da torcida para vencer os colombianos do Santa Fé, no Independência.

Ronaldinho Gaúcho, meia do Atlético-MG
Andres Stapff/Reuters
Ronaldinho Gaúcho, meia do Atlético-MG

"Sem dúvida, isso que esperamos. O apoio do torcedor é importante para seguirmos nosso trabalho, e se Deus quiser vamos sair com mais três pontos", comentou Ronaldinho, que entende que a tendência é o Galo melhorar a cada partida, já que os atletas vão aos poucos chegando próximo dos 100% da forma física.

"Estamos entrando num estágio em que cada um consegue entrar num ritmo forte durante os 90 minutos. Com o tempo vamos voltar ao nível que conhecemos. Temporada começa dessa forma, a maioria não está 100%", disse o craque.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.