Em Belém, cachorro atrapalhou ataque do Remo, enquanto outro canino defecou em campo em Rosario

Dois cachorros, no Brasil e na Argentina, acabaram se tornando protagonistas de jogos de futebol no último fim de semana. Em Belém, um cão entrou em campo e atrapalhou um ataque do Remo aos 40 minutos do segundo tempo no clássico diante do Paysandu, no Mangueirão, jogo de ida pela decisão do primeiro turno do Campeonato Paraense, que terminou 0 a 0. O lance ficou ainda mais inusitado com a reação de Eduardo Ramos, que reclamou com o cão por participar do lance.

Na Argentina, o jogo entre Rosario Central e River Plate foi interrompido por conta de um cachorro. Além de driblar quem tentava capturá-lo, com direito a gritos de "olé" dos torcedores, o animal ainda defecou em campo (veja o lance em vídeo aqui ).

Veja galeria de fotos com animais que viraram atração no futebol:

A cena de animais em estádios e centros de treinamentos acontecem com frequência. A mais célebre invasão aconteceu na Copa do Mundo de 1962, no Chile, quando o jogo entre Brasil e Inglaterra teve de ser paralisado várias vezes por conta da presença de cães no campo - um deles driblou até Garrincha, que tentava ajudar a conter o bicho. Em São Paulo, aves como o quero-quero costumam aparecer em jogos e treinos.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.