Tamanho do texto

Time azul de BH busca neste domingo sua primeira vitória contra o Atlético-MG no Independência desde reabertura

O técnico Marcelo Oliveira pretende escalar o Cruzeiro com força máxima para o clássico de domingo, contra o Atlético-MG, no Independência, pela quinta rodada do Campeonato Mineiro. O treinador, porém, vai avaliar o desgaste físico provocado pela partida contra o Real Garcilaso, na estreia celeste na Libertadores.

"A ideia é força máxima, se eu vou repetir (o time que começou jogando contra o Real Garcilaso) ainda não defini, porque depende de uma avaliação física, uma viagem longa, um jogo duro, em função do desgaste físico e um pouco também de convicção em relação ao jogo, estratégia, adversário, mas basicamente não vai fugir muito", afirmou.

De acordo com o comandante cruzeirense, a certeza é de que o Cruzeiro entrará em campo concentrado e com uma equipe forte, bem preparada e que buscará a vitória diante do adversário. "Temos que concentrar agora no Campeonato Mineiro, um jogo importante, um espaço de tempo curto, pouco tempo para se treinar, mas um time que já sabe o que quer, já sabe o que faz em campo e vai entrar com toda força para tentar vencer", garantiu.

Diante do desgaste, Marcelo Oliveira vai definir a equipe somente nos vestiários do Independência. "Vou deixar para fazer essa escalação no domingo e talvez em uma convicção tática, técnica, isso pode acontecer, porque nós temos aí bons jogadores. Com certeza vamos criar um time forte. Estamos preparados para jogar e jogar bem", concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.