Meia pede para atuar contra o Vasco mesmo após cansaço natural de viagem ao México pela Libertadores

Após duas derrotas na semana, para Fluminense e León, do México, o Flamengo sente a pressão crescer tanto no Campeonato Carioca quanto na Copa Libertadores. O meio-campista Elano lamenta os maus resultados, mas garante foco total no clássico contra o Vasco, neste domingo.

Clássicos prometem recordes de público e dão fôlego aos Estaduais

"O espírito da equipe tem sido brilhante, mas infelizmente isso não foi favorável", analisa. "Sabemos que o desempenho não está completo, meu sentimento é de tristeza pelas derrotas, mas de muito entusiasmo pelo que apresentamos. Agora é outra competição, vamos descansar da viagem longa e encarar esse clássico", planeja o jogador, que atuou por 75 minutos na derrota por 2 a 1 para o time mexicano.

Mantendo discurso parecido, o atacante Paulinho também acredita que o Rubro-Negro tem jogado bem, precisando apenas de um pouco mais de atenção para reencontrar o caminho das vitórias.

"Nós perdemos dois jogos atuando bem. Temos que manter o mesmo ritmo, o mesmo foco. Estamos pecando em alguns detalhes, que acabaram ocasionando em algumas derrotas", explica.

O Flamengo tem a chance de voltar a vencer às 16 horas (de Brasília) deste domingo, no Maracanã, mas o páreo é duro. Na oitava rodada do Campeonato Carioca, contra o rival Vasco, o Rubro-Negro faz jogo de seis pontos na briga pela liderança. Atualmente, o Urubu é o segundo colocado, com 16 pontos, e só fica atrás do Fluminense no saldo de gols. O Cruz-maltino vem logo atrás, com um ponto a menos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.