O jovem atacante, por sua vez, herda o número 19, que estava vago desde a saída de Aloísio

Antes mesmo da assinatura do contrato e da apresentação oficial, o São Paulo desfez o mistério criado inicialmente a respeito da camisa que Alexandre Pato usaria. Nesta quinta-feira, o clube informou que o atacante tomará de Ademilson a 11, a qual já utilizou no Internacional e em algumas partidas pela Seleção Brasileira.

Alexandre Pato será o camisa 11 do São Paulo
Site oficial
Alexandre Pato será o camisa 11 do São Paulo

Na quarta-feira, o jogador (que usava a 7 no Corinthians e no Milan) já havia dado uma dica sobre a numeração ao divulgar em uma rede social fotografia de parte de sua chuteira. Fechada, a imagem mostrava a inscrição "P1" mais um contorno logo ao lado, sugerindo um segundo número.

Formado nas categorias de base do clube, Ademilson usava a 11 havia dois anos, desde a saída de Marlos para o Metalist, da Ucrânia, quando abandonou a 29. O diretor de futebol da época, Adalberto Baptista, dizia que se tratava de um reconhecimento ao talento do jovem jogador - de hoje 20 anos.

Seu novo número será o 19, que ficou sem dono com a venda de Aloísio para o futebol chinês. Outros atletas também trocaram de camisa nesta temporada: Paulo Henrique Ganso herdou a 10 de Jadson e consequentemente deixou a 8 para o recém-chegado Souza, assim como Clemente Rodríguez deu a 6 para Álvaro Pereira e ficou com a 26.

Apesar de já treinar no CT da Barra Funda desde terça-feira à tarde, Pato ainda não pode ser considerado oficialmente jogador do São Paulo. Ele ainda espera a resolução de pendências financeiras com o Corinthians, clube que o emprestará até o final de 2015, para assinar contrato e ser regularizado.

Na quarta-feira, o reforço passou por um teste isocinético, procedimento que tem como fim detectar equilíbrio muscular e nível de força. Na manhã desta quinta, ele trabalha com bola ao lado do grupo de suplentes do elenco são-paulino.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.