Tamanho do texto

Em 2009 e 2010, clube se dedicou a quitar pendências que consumiam cerca de R$ 350 mil do orçamento mensal

A diretoria do Ceará já prepara o presente para comemorar o centenário do clube, no começo de junho deste ano. De acordo com a diretoria do clube, uma reorganização financeira permitirá que sejam quitadas em abril todas as dívidas referentes a ações trabalhistas movidas por ex-funcionários.

"Fiz todas as pesquisas nas Varas Trabalhistas do estado. Passava tardes inteiras atrás de arquivos e tínhamos processos desde 1997, que ficavam esquecidos no estoque. Em todos os anos só aumentávamos a dívida", afirmou o ex-diretor jurídico do Ceará, Jocélio Alves, em entrevista ao site do clube.

Em 2009 e 2010, o Ceará se dedicou a quitar as dívidas mais simples, que em certo momento chegaram a consumir cerca de R$ 350 mil do orçamento mensal do clube. Atualmente, o clube diz desembolsar "somente" R$ 10 mil por mês para pagar débitos trabalhistas.

"Conseguimos algo surpreendente em poucos anos, mas isso só aconteceu por causa da dedicação do Jocélio e de todos aqueles que fizeram parte disso. Fico feliz por trabalhar com tantas pessoas capacitadas e a conquista não poderia vir em hora melhor. Afinal, o centenário do clube vai entrar para a história dentro e fora de campo", disse o presidente do Ceará, Evandro Leitão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.