Jogador brasileiro deixou a Lazio após três anos e meio para defender o clube de Milão

Após deixar o São Paulo, o volante Hernanes permaneceu na Lazio durante três anos e meio. Porém, em 2014, ele deixou a equipe de Roma para migrar a Milão, onde defenderá a Inter. Ao chegar no novo clube, o brasileiro fez questão de expor sua maior motivação para a mudança: a disputa por títulos, e não o dinheiro.

"Eu escolhi a Inter para ganhar, não por uma questão de dinheiro. Eu sempre estive muito bem na Lazio, mas ainda quero fazer algo especial. Por isso, vou para o time certo", sintetizou Hernanes, em entrevista ao jornal La Gazzetta Dello Sport.

Veja classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Italiano

Adiante, o volante exaltou a receptividade que teve na Lazio, mas admitiu que o clube de Milão seria responsável por lhe proporcionar mais projeção: "Agradeço a todos na Lazio, companheiros e torcedores. Sempre tive uma ótima relação com eles. Quando cheguei lá, achei que faria grandes coisas, como avançar na Liga dos campeões, mas isso não foi possível. Escolhi a Inter porque tem uma perspectiva mais elevada", discorreu.

Na temporada passada, Cláudio Lotito, presidente da Lazio, expôs ter recebido ameaças de morte quando cogitou vender Hernanes. Porém, a consolidação da transação é uma resposta à questão financeira do clube.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.