Equipe colorada venceu por 2 a 1 e segue invicta no Campeonato Gaúcho, com 12 pontos conquistados

Abel Braga estreou no comando do Internacional diante do São Paulo-RS
Jeferson Guareze/Futura Press
Abel Braga estreou no comando do Internacional diante do São Paulo-RS

A sexta passagem de Abel Braga pelo Internacional começou com vitória. Num fim de tarde de forte calor em Novo Hamburgo, o Inter fez um jogo em ritmo lento contra o São Paulo-RS, mas o suficiente para ganhar por 2 a 1, em jogo válido pela 4ª rodada do Campeonato Gaúcho. Cláudio Winck e Eduardo Sasha marcaram para a equipe rubra, e Wellington, ex-Inter, descontou.

Devido ao intenso calor, de 36ºC no horário do jogo, o primeiro tempo transcorreu em ritmo lento. O Inter foi melhor e fez 1 a 0 cedo, através de um golaço de falta de Cláudio Winck. Na etapa final, o Colorado ampliou com Sasha, mas o São Paulo-RS descontou logo depois e pôs fogo no jogo. No entanto, o time da Capital conseguiu segurar a vantagem.

Com a vitória o Inter manteve os 100% de aproveitamento no Gauchão, com 12 pontos. O São Paulo, por sua vez, perdeu a invencibilidade e estacionou nos 4 pontos. O Colorado estreia seu time titular no domingo, contra o Cruzeiro-RS, novamente em Novo Hamburgo. Já o time de Rio Grande visitará o Aimoré, em São Leopoldo.O jogo - Valdívia e Cláudio Winck foram os grandes nomes do primeiro tempo. Logo aos três minutos, eles produziram o gol que abriu o placar. Valdívia sofreu falta na entrada da área, a qual Winck bateu com perfeição, no ângulo. Cinco minutos depois, o lateral quase fez outro, chutando de primeira com força, de fora da área, após jogada de Otávio pela esquerda.

O São Paulo-RS até tentou reagir, mas o Inter seguiu dominando. Aos 18, Valdívia arriscou do meio da rua e Pablo fez grande defesa. Aos 25, Otávio envolveu Cesinha pela esquerda e cruzou para Wellington Paulista, que tentou marcar de primeira. Júnior Sergipano, no entanto, evitou o corte.

Cláudio Winck marcou o primeiro gol na vitória do Internacional por 2 a 1 contra o São Paulo-RS
Jeferson Guareze/Futura Press
Cláudio Winck marcou o primeiro gol na vitória do Internacional por 2 a 1 contra o São Paulo-RS

O jogo seguiu lento no começo do segundo tempo. O São Paulo-RS não conseguia levar perigo, enquanto o Inter não forçava tanto o ritmo. Aos 5 minutos, Alan Patrick quase marcou um golaço ao tabelar com Otávio e quase acertar o ângulo. O Colorado ampliou aos 20: Raphinha fez bela jogada pela esquerda e cruzou na medida para o cabeceio de Eduardo Sasha. Dois minutos depois, porém, veio o troco: Jefferson Chumbinho entrou livre pela esquerda e cruzou para a conclusão de Wellington, ex-Inter, diminuir: 2 a 1.

A partir dos gols, a partida reacelerou o ritmo. Aos 28, Alan Patrick fez nova boa jogada e tocou para Sasha mandar por cima. Dois minutos mais tarde, Ray ganhou de Índio na corrida e cruzou para Jefferson Chumbinho, que quase empatou. O chute lambeu o travessão. Nos minutos finais, porém, o Inter soube conter a pressão e chegar à quarta vitória seguida no Gauchão.


FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 2 x 1 SÃO PAULO-RS
Local: Estádio do Vale, em Novo Hamburgo (RS)
Data: 29 de janeiro de 2014, quarta-feira
Horário : 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Fabrício Neves Corrêa
Assistentes: Rafael da Silva Alves e Tatiana Jacques de Freitas
Cartões amarelos: Cláudio Winck e Raphinha (Internacional); Cesinha, Balduíno e Murilo (São Paulo-RS)

Gols:
INTERNACIONAL: Cláudio Winck, aos 3 minutos do primeiro tempo; Eduardo Sasha, aos 20 minutos do segundo tempo
SÃO PAULO-RS: Wellington, aos 22 minutos do segundo tempo

INTERNACIONAL: Agenor; Cláudio Winck, Índio, Ernando e Raphinha; Augusto, João Afonso, Otávio (Murilo), Valdívia (Eduardo Sasha) e Alan Patrick (Josimar); Wellington Paulista
Técnico: Abel Braga

SÃO PAULO-RS: Pablo; Reinaldo, Júnior Sergipano e Cesinha; Wellington, Balduíno Vasconcellos, Correia (Murilo) e Vanderlei; Michel (Jefferson Chumbinho) e Ray (Gilian)
Técnico: Agenor Piccinin

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.