Treinador fez elogios ao zagueiro, que estreou pelo clube diante do Comercial na última quinta-feira

Lúcio estreou com a camisa do Palmeiras diante do Comercial
THIAGO CALIL/Photopress/Gazeta Press
Lúcio estreou com a camisa do Palmeiras diante do Comercial

Em dois jogos, duas vitórias. Analisando friamente, o início do Palmeiras no ano de seu centenário foi o melhor possível. No entanto, não mostrou um bom futebol contra Linense e Comercial, nas primeiras rodadas do Paulistão, e terá o desafio de manter o 100% de aproveitamento no Estadual diante do Atlético Sorocaba, neste domingo. Para isto, o treinador Gilson Kleina conta com a inteligência do time e a "seriedade" do recém-contratado Lúcio.

Em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira, após o treinamento na Academia de Futebol, o treinador rasgou elogios ao zagueiro, que fez sua estreia pelo Palmeiras nesta quinta-feira, na vitória por 2 a 0 sobre o Comercial, em Ribeirão Preto. "Achei o Lúcio seguro, ele foi muito sério naquilo que determinou. Simplificou as jogadas. O que falta para ele é ritmo de jogo, mas isto ele vai ganhando a cada vez que entra em campo", declarou Kleina.

Chuva em São Paulo danifica parte da cobertura do Allianz Parque

O comandante seguiu exaltando o comprometimento do defensor, que, segundo ele, será importante no ano do centenário alviverde, principalmente, por causa de sua experiência. "Em todos os trabalhos físicos, ele foi espetacular, acima da média. O Lúcio não tem que provar nada para ninguém. Espero que este espírito vencedor dele nos ajude no ano do centenário", ressaltou, quando lembrado do fracasso do zagueiro no rival São Paulo. 

Tempestade causa 'treino expresso' no Palmeiras; Valdivia enfrenta o Sorocaba

Para o duelo deste domingo, diante do Atlético Sorocaba, Gilson Kleina prevê dificuldades. Principalmente por causa do melhor condicionamento físico do time rival. "As equipe do interior se preparam melhor. Eles pegam dezembro para já iniciar o ano forte. Tivemos um desgaste maior no primeiro jogo, contra o Linense, no qual saímos atrás, e, neste segundo, enfrentamos uma equipe que exigiu muito da gente fisicamente. Mas nós estamos nos superando, evoluindo gradativamente", avaliou.

"O Atlético Sorocaba tem no seu elenco alguns jogadores experientes. Chama atenção os extremos que eles possuem. O time joga com dois meias abertos, que são muito rápidos e dão trabalho. Os clubes do interior exigem muito da parte física, e, por isto, temos que ter equilíbrio e inteligência para não nos desgastarmos tanto", acrescentou.

Por fim, Kleina admitiu que o Palmeiras ainda não jogou bem neste ano, mas demonstrou tranquilidade ao analisar as atuações de sua equipe. "Uma coisa que a gente quer é vencer e convencer. Claro que encontramos dificuldade até aqui, mas isto é natural em um início de temporada. O importante é que o Palmeiras está tendo tranquilidade. Não mostramos aquela ansiedade de tentar resolver o jogo logo e depois se expor. Acho que a inteligência tem sido o nosso grande mérito neste início de ano", encerrou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.