Cartola não teve influência relevante na contratação do técnico Renato Gaúcho e de reforços importantes

René Simões e Felipe Ximenes no treino do Flu
Ricardo Ayres/Photocamera
René Simões e Felipe Ximenes no treino do Flu

Na véspera do segundo jogo do Fluminense pelo Campeonato Carioca, o diretor executivo Felipe Ximenes foi demitido do cargo. A saída aconteceu após um mês e cinco dias de trabalho. O vice-presidente de futebol, Ricardo Tenório, passa a responder, unicamente, pelas questões que envolvem o principal esporte do Tricolor das Laranjeiras.

Leia mais: CBF define datas de jogos da Copa do Brasil

Ximenes chegou ao Fluminense no dia 17 de dezembro de 2013 e não teve influência relevante na contratação do novo treinador Renato Gaúcho. Assim como não participou de parte das conversas para a negociação de reforços importantes como Walter.

A demissão aconteceu pouco antes do treino desta quarta-feira, nas Laranjeiras. Felipe Ximenes foi até a sede do clube para assinar a rescisão de seu contrato e, logo depois, já deixou as dependências do Flu.

O time de Fred, Walter, Conca e companhia encara o Bonsucesso na próxima quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), no Maracanã, pela segunda rodada do Campeonato Carioca.

Confira o comunicado oficial do Fluminense:

A diretoria do Fluminense Football Club decidiu nesta quarta-feira, 22, pela recisão de contrato do Diretor-Executivo, Felipe Ximenes. As partes chegaram a um acordo com relação a rescisão. O Fluminense agradece e deseja sucesso ao profissional em sua caminhada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.