Na volta do treinador ao comando do Corinthians, time estreou no Paulistão vencendo a Portuguesa

Mano Menezes gostou do que viu em sua primeira partida no retorno ao Corinthians. O técnico aprovou a disposição da equipe alvinegra com a bola no pé na vitória por 2 a 1 sobre a Portuguesa, no Canindé, e reclamou apenas das oportunidades de gol desperdiçadas.

Na reestreia de Mano, Corinthians começa 2014 com vitória sobre a Portuguesa

"Gostei mais do primeiro tempo. A equipe soube propor o jogo, trabalhou bem a bola, saiu com qualidade de trás, chegou pelos dois lados do campo, criou mais situações. Perdeu gols, marcou dois gols. Sofreu um no finalzinho (do primeiro tempo), que foi um pouco de descuido da gente, mas é natural", afirmou o gaúcho.

Romarinho marcou o primeiro gol do Corinthians na temporada
Mauro Horita/Gazeta Press
Romarinho marcou o primeiro gol do Corinthians na temporada

No início da etapa final, houve duas chances claras perdidas, com Guerrero e Guilherme. "O que posso reclamar um pouquinho é que não matou o jogo. Estava bem aberto para matar. Aí ficou 2 a 1, aquela angústia, porque você sabe que não pode deixar escapar uma bola.

"O Corinthians não abriu uma vantagem maior e chegou a sofrer com as tentativas de empate da Portuguesa. Walter teve de trabalhar duplamente em um lance perigoso rubro-verde para que o atual campeão largasse bem na edição 2014 do Campeonato Paulista.

"Caiu o ritmo do jogo no segundo tempo, o que é natural nesta fase da temporada. Mas teve uma fase em que o jogo ficou muito aberto, lá e cá. Não gostei porque, ganhando de 2 a 1, você não pode deixar ficar lá e cá, o jogo fica muito perigoso. Você pode continuar sendo ofensivo com segurança no meio-campo. Mas, no geral, a equipe se comportou bem. Saio contente", concluiu Mano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.