Time poupou time principal das primeiras rodadas, mas técnico observou vitória por 2 a 0 na abertura do Estadual

Coube à equipe sub-23 do Internacional abrir mais uma edição do Campeonato Gaúcho, neste sábado. Atuando no Estádio do Vale, os jogadores comandados por Clemer não decepcionaram: venceram o São Luiz por 2 a 0, com gols marcados pelo lateral direito Cláudio Winck e pelo atacante Aylon.

Inter venceu na abertura do Campeonato Gaúcho. Aylon (centro) comemora o primeiro gol
Gazeta Press
Inter venceu na abertura do Campeonato Gaúcho. Aylon (centro) comemora o primeiro gol

Dessa maneira, o Internacional somou os seus três primeiros pontos no grupo A do Estadual, que também conta com Aimoré, Brasil de Pelotas, Esportivo, Juventude, Lajeadense, São José e Veranópolis. Já o São Luiz, que iniciou o torneio credenciado como uma das forças do interior, ainda não tem nenhum na chave B, a mesma do Grêmio.

Já na quarta-feira, o Inter voltará ao Estádio do Vale para enfrentar os donos da casa, o Novo Hamburgo. O São Luiz receberá o Juventude no mesmo dia.

Abel Braga foi acompanhar estreia do time sub-23 do Inter no Campeonato Gaúcho
Luiz Munhoz/Gazeta Press
Abel Braga foi acompanhar estreia do time sub-23 do Inter no Campeonato Gaúcho

O jogo - Apesar de o Inter não ter levado os seus principais jogadores para Novo Hamburgo, a sua torcida demonstrou empolgação desde os primeiros minutos de partida. O técnico Abel Braga também deve ter ficado satisfeito ao ver os novatos colorados abrirem o placar logo no início.

Aos oito minutos, o lateral direito Cláudio Winck recebeu a bola de Reis, clareou de fora da área e bateu colocado para acertar a rede, anotando o primeiro gol do Campeonato Gaúcho.

A vantagem no marcador deu tranquilidade para o Inter dentro de campo. Mesmo com disposição, o São Luiz tinha dificuldades para ser criativo a ponto de incomodar a defesa do time vermelho - só o fazia através de jogadas de bola parada.

Foi o Inter que realmente assustou no final do primeiro tempo. Aos 19 minutos, Aylon chegou a empurrar a bola para o gol de novo, porém a arbitragem assinalou um duvidoso impedimento no lance. Pouco depois, Ruan tabelou com o seu companheiro de ataque e finalizou de fora da área. O goleiro Alê espalmou.

Tentando mudar o panorama da partida, o São Luiz voltou para o segundo tempo com Elton Macaé no lugar de Adilson Bahia. No Internacional, Diogo ocupou a vaga do autor do gol, Cláudio Winck.

O Inter continuou a levar a melhor após as alterações, pressionando. Aos cinco minutos, ampliou. Aylon se antecipou à defesa do São Luiz em levantamento da direita de Gladestony e conseguiu cabecear para o gol vazio.

Com 2 a 0 no marcador, o Inter encontrou ainda mais facilidade para administrar o resultado positivo, ainda investindo contra o gol defendido por Alê vez ou outra. Já o São Luiz, abatido, não teve forças para reagir e pouco se aproximou da área adversária.

Esportivo e Pelotas empatam
Internacional e São Luiz não foram os únicos times que estrearam no Campeonato Gaúcho neste sábado. Na mesma tarde, o Esportivo não aproveitou o fato de jogar em casa e cedeu o empate por 2 a 2 ao Pelotas. Igor Souza e Ulisses colocaram os mandantes na frente no final do primeiro tempo, mas Felipe Garcia e Jefferson Luiz igualaram no segundo.

FICHA TÉCNICA -  INTERNACIONAL 2 X 0 SÃO LUIZ

Local: Estádio do Vale, em Novo Hamburgo (RS)
Data: 18 de janeiro de 2014, sábado
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Diego Almeida Real (RS)
Assistentes: José Antônio Franco Filho e Lúcio Beiersdorf Flor (ambos do RS)
Cartões amarelos: Ruan e Rodrigo Dourado (Internacional); Mateus e João Paulo (São Luiz)
Gols: Cláudio Winck, aos oito minutos do primeiro tempo, e Aylon, aos cinco minutos do segundo tempo

INTERNACIONAL: Alisson; Cláudio Winck (Diogo), Jean, Thales e Raphinha; Rodrigo Dourado, Gladestony, Nemetz (Alex Santana) e Reis; Aylon e Ruan (Fernando Baiano)
Técnico: Clemer

SÃO LUIZ: Alê; Júnior Barbosa, Rodolfo, Marcel e Élton Macaé (Adilson Bahia); Paraná, João Paulo, Mateus e Aloizio; Ronaldo Capixaba (Fábio Alemão) e Jones (Bruno Flores)
Técnico: Beto Almeida

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.