Tamanho do texto

"Quem escala o time é o treinador, que foi contratado para montar o melhor", disse Mário Gobbi

A gestão do presidente Mário Gobbi gastou cerca de R$ 40 milhões para tirar Alexandre Pato do Milan no ano passado, mas o atleta ainda não conquistou o status de titular absoluto no Corinthians. Deixado na reserva no primeiro treino coletivo dirigido por Mano Menezes em 2014, o atacante foi observado pelo mandatário, que minimizou a opção do comandante e prometeu não interferir na escalação.

Gobbi aguarda oferta por Edenílson até quinta e desiste de Elias

"Quem escala o time é o treinador, que foi contratado para montar o melhor dentro do que o grupo disponibiliza. Esta é uma tarefa que não se transfere", afirmou o presidente, que era diretor de futebol na época da primeira passagem de Mano pelo Alvinegro e tem boa relação com o técnico.

Mano orienta Pato em treino do Corinthians
Mauro Horita/ Agif/Gazeta Press
Mano orienta Pato em treino do Corinthians

Apesar de deixar claro que não vai fazer qualquer pedido ao treinador sobre escalação, Gobbi acha que o comandante ainda não definiu a escalação, já que realizou apenas um coletivo no ano."Foi o primeiro treino e é cedo para falar qualquer coisa sobre o time que está na cabeça do treinador. O Mano é um técnico experiente e vai fazer experiências. Vai chegar uma hora em que tomará a decisão e nós todos vamos saber", ponderou.

Enquanto Pato treinou o coletivo inteiro como reserva, Paolo Guerrero foi colocado por Mano como o principal nome na frente durante a atividade de terça-feira, mas o peruano repete o discurso do presidente e também acredita que é prematuro para comemorar a vaga.

"O professor Mano está vendo quem trabalha mais no campo, pois estamos no processo de preparação. Ele está vendo o sistema de jogo que vai precisar também. É diferente dos anos anteriores, quando o Tite já conhecia todos", completou. Na tarde desta quarta-feira, o Corinthians disputará o jogo-treino contra o Red Bull, no CT Joaquim Grava, quando Mano demonstrará mais uma vez sua base deste início de ano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.