Treinador do Chelsea disse que gostaria de ver Luis Suárez fora do Liverpool no jogo contra o Chelsea

O técnico José Mourinho teve um momento politicamente incorreto nesta sexta-feira ao sugerir que uma "pequena lesão" tirasse o atacante Luis Suárez, uma das principais peças do Liverpool nesta temporada, da partida contra o Chelsea neste domingo, em Stamford Bridge, pelo Campeonato Inglês.

Veja classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Inglês

Falando à Chelsea TV, o técnico do clube londrino evitou qualquer menção ao polêmico comportamento de Suárez no último confronto entre as duas equipes, em Anfield, no mês de abril, quando o uruguaio mordeu o braço do defensor Branislav Ivanovic, do Chelsea.

Em vez de lembrar o ocorrido, Mourinho disse torcer para que o atacante uruguaio, que naquela ocasião foi suspenso por 10 jogos, não esteja disponível para jogar o confronto entre o terceiro e o quarto colocados do Campeonato Inglês.

"Talvez Suárez tenha uma pequena lesão", disse Mourinho, se referindo à derrota de 2 a 1 do Liverpool para o Manchester City na quinta-feira. "Não estou pedindo por uma grande lesão, só uma pequena que o impeça de jogar por quatro dias".

Ciente de que Suárez marcou 19 gols em 13 partidas pelo Campeonato Inglês desta temporada, Mourinho, não fez comparações com os três principais atacantes do Chelsea. Juntos, Fernando Torres, Samuel Eto'o e Demba Ba marcaram somente cinco gols.

"Todo jogo é difícil", disse Mourinho. "A diferença é que alguns times são maiores. Manchester City contra Liverpool, Chelsea contra Liverpool, Chelsea contra Arsenal... Mas todo jogo é difícil. As duas últimas partidas que jogamos, contra Swansea e Crystal Palace, foram 1 a 0, 2 a 1. Você tem de dar tudo para vencer".

*com agência Reuters

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.