Multado durante o Mundial, lateral espera receber propostas do exterior durante janela de transferências

Marcos Rocha admite não ter recebido proposta, mas espera por elas em janeiro
Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro
Marcos Rocha admite não ter recebido proposta, mas espera por elas em janeiro

Mesmo colecionando algumas convocações para a seleção brasileira, o lateral-direito Marcos Rocha não é unanimidade entre os torcedores do Atlético-MG , sendo constantemente vaiado pelos torcedores, situação que irrita o jogador. A paciência com o atleta parece ter acabado mesmo durante o Mundial de Clubes, quando o jogador reclamou de ser substituído por Cuca.

Deixe seu recado e comente com outros torcedores

A diretoria alvinegra entendeu que Marcos Rocha cometeu ato de indisciplina e decidiu multar o lateral . Diante dos problemas o jogador entende que uma saída do clube em 2014 pode ajudar a recuperar o melhor futebol. "São dois anos que estou aqui, dois anos de resultados expressivos. Agora é esperar a decisão do presidente junto com o Paulo Autuori e ver como vai ser montado o elenco do Atlético-MG", disse.

VEJA FOTOS DA DISPUTA DE TERCEIRO LUGAR DO MUNDIAL:

Marcos Rocha deixa claro que se sair do Galo a ideia é ir para o futebol da Europa. "Meu pensamento é ir jogar na Europa, assim como o de todos os jogadores que conseguiram um destaque dentro da equipe. A gente sabe que as propostas aparecerem, e se aparecer para mim e for bom para o Atlético-MG, a gente vai sentar e conversar", afirmou.

LEIA MAIS: Com atuação apagada, Atlético-MG é terceiro no Mundial

Marcos Rocha faz questão de frisar que ainda não existe nenhuma proposta, mas o atleta espera receber algumas ofertas com a abertura da janela de transferências na Europa, que acontece em janeiro. "Tem que ser algo bom para mim e para o Atlético-MG. Ainda não tem nada, mas a janela abre agora em janeiro. Vamos ver", concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.