Treinador destaca estrutura financeira do clube carioca e diz que rebaixamento é ruim para o futebol brasileiro

A derrota do São Paulo para o Coritiba, neste domingo, ajudou a selar o rebaixamento do Fluminense à Série B do Campeonato Brasileiro. Após a partida, o técnico Muricy Ramalho lamentou o fracasso do time tricolor pelo qual venceu a competição nacional em 2010, sendo "muito bem" remunerado.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

"É difícil ver um time desse tamanho caindo fora do campeonato. Eles geram emprego, pagam bem. É o tipo de time que não pode ser rebaixado porque paga muito bem", afirmou Muricy, que ajudou o São Paulo a não ter o mesmo destino do Fluminense nesta temporada.

Deixe seu recado e comente esta notícia com outros leitores

Apesar de elogiar os bons salários oferecidos pelo Flu, o treinador deixou as Laranjeiras em 2011 criticando a estrutura que tinha à sua disposição. Disse ter encontrado até ratos nos vestiários da equipe.O momento, no entanto, é de solidariedade. Ao menos com os investidores do Fluminense. "Sinto pelo Celso Barros ( presidente da principal patrocinadora do clube ), um tricolor doente. A vida dele é o Fluminense", disse Muricy.

O Fluminense não foi o único grande clube carioca a ser rebaixado neste fim de semana. O Vasco, que não paga tão bem quanto o rival, também não conseguiu evitar a queda para a segunda divisão.

"Não trabalhei no Vasco, mas a gente sente pelas pessoas. Sinto pelo Adilson ( Batista, técnico ), um amigo", citou Muricy Ramalho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.