Atacante admite que não correspondeu às expectativas após sua contratação pela equipe gaúcha no início do ano

O Grêmio vai a campo neste domingo, às 19h30 (de Brasília), na Arena, para enfrentar o Goiás pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro e pode já garantir a vaga na Libertadores de 2014. Na contramão da boa temporada da equipe de Renato Portaluppi, o atacante Hernán Barcos falou sobre seu fraco ano com a camisa tricolor.

Confira a classificação completa do Brasileirão 2013

"Sinto que estou em dívida com o Grêmio por tudo o que fizeram para me trazer. Eu não correspondi e acho que o ano que vem será bom para poder mostrar o motivo de ter vindo. Sou jogador daqui e minha mentalidade é em permanecer na equipe", afirmou o jogador.

Sabendo da possibilidade de garantir a vaga no G4, Barcos foi enfático. "O importante é que ainda dependemos de nós mesmos. Vai ser como uma final, temos feito um ano muito bom e estamos há algum tempo entre os quatro primeiros, sair agora seria muito injusto e o grupo sabe dessa responsabilidade", declarou.

Renato Gaúcho deve escalar uma equipe parecida com a que entrou em campo contra a Ponte Preta, no último final de semana. Riveros sai do time para dar lugar aos estrangeiros Vargas e Barcos, que jogam no ataque com Kleber, e Maxi Rodríguez, que começará no banco de reservas. Zé Roberto também deve permanecer entre os 11 iniciais.

Eleito o melhor lateral do Brasileirão, Alex Telles também ressaltou a importância da partida. "Sabemos que temos condições plenas de vencer, mesmo sabendo que será difícil, a nossa vontade vai nos ajudar. Só depende de nós, temos que vencer esse jogo para chegarmos (na última rodada) tranquilos", afirmou.

Susto

Uma torcedora, que assistia ao treino da equipe na manhã desta sexta-feira, desmaiou e precisou receber atendimento médico. Após se recuperar, a moça recebeu um colete de presente do técnico Renato Gaúcho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.