Atacante do Goiás ficou decepcionado com a própria atuação no fim de semana na goleada sofrida por 4 a 1

O atacante Walter, do Goiás
Futura Press/Carlos Costa
O atacante Walter, do Goiás

Destaque do Goiás no Brasileirão, Walter admitiu que não jogou bem na derrota por 4 a 1 para o Atlético-MG do último sábado, pela 36ª rodada da competição. O atacante ainda prometeu treinar mais tempo para tentar voltar melhor na próxima partida.

Comente esta notícia com outros torcedores

"Fui muito mal na partida, um dos piores jogos que eu fiz. Mas futebol é assim, no próximo eu posso arrebentar. Tenho de trabalhar mais durante a semana para poder ter uma atuação melhor contra o Grêmio. Fui pro campo só na quinta, treinei na sexta e foi muito pouco trabalho, mas nessa semana eu espero treinar até em dois turnos", declarou o centroavante.

No próximo domingo, o Goiás enfrenta o Grêmio em Porto Alegre, às 19h30, pela 37ª rodada. O último jogo da equipe será em casa contra o Santos. O clube, entretanto, pode ter de jogar longe do Serra Dourada. Na quinta-feira, o STJD julgará recurso do clube para a punição recebida por conta da briga entre torcedores nas arquibancadas do esmeraldino durante o duelo contra o Atlético-PR.

David com pressa

Em entrevista à Rádio 730 , o meio-campista David pediu pressa à diretoria para acertar a renovação de seu contrato, que termina no próximo dia 30. Caso não renove, o jogador corre risco de não atuar pelo esmeraldino nas duas rodadas restantes do Campeonato Brasileiro.

"O presidente (João Bosco Luz) ficou de analisar e responder. Mas é preciso apressar com isso para que eu possa jogar nesses dois próximos jogos", disse David.

De acordo com informações da rádio goiana, o jogador teria em mãos uma generosa proposta do Atlético-MG, que oferece o triplo de seu salário atual. David, no entanto, não confirmou. "Ainda não veio nada de proposta para mim, nada oficialmente. Penso em renovar com o Goiás e beliscar essa vaga na Libertadores", garante.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.