Já garantido na Série A em 2014, Palmeiras encara o Boa Esporte, neste sábado, e precisa de um empate para ser campeão da Série B

Uma volta no Pacaembu antes do jogo deste sábado, contra o Boa Esporte, mostra que o possível título da Série B não tem apelo algum para a torcida do Palmeiras . Não há faixas de campeão nos arredores do estádio, como certamente haveria se fosse outra competição. É possível encontrar apenas camisas, chapéus e bandeiras.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Para não depender de resultados alheios, o time treinado por Gilson Kleina precisa no mínimo de um empate a partir de 16h20 (de Brasília). Mas poderá confirmar a primeira colocação, a duas rodadas do final, mesmo em caso de derrota, desde que a vice-líder Chapecoense não vença.

Confira classificação, notícias, tabela de jogos e artilharia do Brasileirão

Muitos palmeirenses, no entanto, pouco se orgulham da provável conquista e tratavam o já garantido acesso à elite como única (e obrigatória) meta. Prova disso é o público somente razoável para um dia teoricamente de festa, em meio a uma tarde quente e de feriado prolongado. Os grupos que chegam ao estádio são formados predominantemente por famílias.

As crianças são o alvo principal dos cerca de 20 vendedores ambulantes presentes na região da Praça Charles Miller. Além de chapéus e bandeiras, o produto de melhor saída antes da partida é a versão falsa da nova camisa do Palmeiras (nas cores da Seleção Brasileira), lançada em comemoração ao centenário do clube, em 2014.

O ano que vem é justamente a maior preocupação dos torcedores, que viveram pela segunda vez a decepção de disputar a segunda divisão nacional, sem contar as eliminações no Campeonato Paulista, na Copa Libertadores e na Copa do Brasil - torneio em que o time defendia o título, porém acabou caindo logo na estreia, sob comando de Gilson Kleina.

O jovem treinador, a propósito, não tem certeza se terá seu contrato renovado pela diretoria. Também por isso, ele é um dos mais empolgados com a possibilidade de colocar a faixa de campeão da Série B no peito. Desde que encontre alguém que tenha se arriscado a fazê-la.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.