Segundo o As, atacante do Real Madrid considerou ofensivos comentários do presidente Joseph Blatter e se viu desfavorecido pelo texto de seu perfil no site da entidade

Cristiano Ronaldo não irá até Zurique, na Suíça, participar da festa de gala da Fifa, segundo o jornal espanhol As . O evento que será realizado no dia 13 de janeiro, não vai contar com um dos principais protagonistas do futebol mundial. O motivo foram as diversas "ofensas" que o português recebeu de membros do órgão que rege o futebol.

A Fifa está beneficiando Messi e outros rivais de Cristiano Ronaldo? Comente

O primeiro caso foram as declarações do presidente da Fifa, Joseph Blatter, em uma palestra na Universidade de Oxford, onde comparou o português com um soldado, enquanto que Lionel Messi jogava com alegria. O mandatário não chegou a se desculpar por suas palavras referentes ao luso.

A gota d’água foram os perfis do site da Fifa, que descrevem os finalistas do Bola de Ouro, premiação dada ao melhor jogador do mundo no ano. Cristiano Ronaldo é comparado em seu perfil com Messi, que ainda cita que o argentino fez mais gols na temporada que o atacante do Real Madrid.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.