Alison ainda acredita em Libertadores: “Não é hora de jogar a toalha”

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Mesmo com a derrota para o Cruzeiro na última rodada, volante do Santos ressaltou as chances matemáticas do clube ficar nos G4 do Brasileirão

Divulgação/Santos FC
Alison, jogador do Santos

Com a derrota para o Cruzeiro, no último domingo, o Santos está cada vez mais distante da briga por uma vaga na próxima Copa Libertadores da América. Mas o volante Alison ainda se mantém firme com o sonho de jogar a principal competição de clubes das Américas. Para o jogador, o time praiano não pode desistir de buscar a vaga no G4 do Campeonato Brasileiro.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Nós ainda temos chances matemáticas. Vamos buscar jogo a jogo, enquanto tivermos chances, por mais que seja difícil. Não é hora de jogar a toalha", disse Alison.

Confira classificação, notícias, tabela de jogos e artilharia do Brasileirão

Indagado onde o Peixe teria se complicado na disputa por uma vaga na Libertadores, o volante acredita que a equipe santista desperdiçou alguns pontos importantes jogando dentro de casa. "O Brasileirão é muito disputado, cada ponto perdido no começo ou no final do campeonato, faz falta. Perdemos pontos importantes em casa. Em dois jogos cedemos o empate no fim (Coritiba e Vasco). Esses pontos fazem falta agora no final da competição", comentou.

Os alvinegros estão na nona colocação no Brasileiro, com 44 pontos, nove a menos em relação ao Botafogo, último integrante do G-4.

Leia tudo sobre: SantosAlisonigspbrasileirao

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas