Vice-presidente do Corinthians provoca o São Paulo: 'Bambi é fugitivo e arredio'

Por Gabriela Chabatura - iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Luis Paulo Rosenberg cutucou o presidente Juvenal Juvêncio e ironizou a redução dos valores dos ingressos do São Paulo no Brasileirão

Léo Pinheiro/Futura Press
Luis Paulo Rosenberg, vice-presidente do Corinthians, voltou a cutucar o rival São Paulo

Luis Paulo Rosenberg, vice-presidente do Corinthians, não cansa de provocar o rival São Paulo. Durante o evento Business FC, nesta terça-feira em São Paulo, o cartola alfinetou Juvenal Juvêncio e ironizou o fato do clube ter comercializado ingressos a R$ 2.

Deixe o seu recado e comente com os outros leitores

Durante o debate "É possível um Superclube Brasileiro?", que contou com as presenças de Eduardo Bandeira de Mello, presidente do Flamengo, e Mário Celso Petraglia, mandatário do Atlético-PR, Rosenberg citou o São Paulo para falar de comercialização de ingressos.

Veja também: 'O São Paulo fez um mal ao futebol brasileiro', diz Andrés sobre ingressos

Na ocasião, o corintiano apontou o rival como um caso a não ser seguido, referindo-se a promoção feita pela diretoria são-paulina, que reduziu os bilhetes para os jogos no Morumbi quando a equipe estava na zona de rebaixamento do Brasileirão.

"É lógico que não colocaremos ingressos a R$ 2, porque isso é coisa de bambi, de panetone. Hoje o bambi (referiu-se a Juvenal Juvêncio) não veio. O bambi é uma animalzinho fugitivo e arredio", ironizou Rosenberg.

Além do vice-presidente, pela manhã, o ex-presidente Andrés Sanchez afirmou que o São Paulo prejudicou o futebol brasileiro quando baixou os valores dos ingressos.

Leia tudo sobre: RosenbergCorinthiansSão Pauloigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas