Goiás marca no fim, vence o Botafogo e se aproxima do G4 do Brasileirão

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Com gol de Eduardo Sasha aos 42 minutos da segunda etapa, time venceu por 1 a 0 e diminui a diferença para o Grêmio, segundo colocado, para dois pontos

O Goiás deu grande passo em busca de uma vaga no G4 ao vencer por 1 a 0 o Botafogo, neste domingo, no Serra Dourada, pelo Campeonato Brasileiro. O gol da vitória veio com Eduardo Sasha, nos minutos finais do segundo tempo. Com o resultado, os goianos chegaram a 52 pontos e encostou no grupo de classificação para a Libertadores. Já o Botafogo segue com 53, na 3º posição. 

Veja fotos dos jogos da 32ª rodada do Campeonato Brasileiro:

Hernane festeja com companheiros o gol que deu a vitória ao Flamengo por 1 a 0 sobre o Fluminense. Foto: Wagner Meier/Agif/Gazeta PressO Flamengo venceu o clássico carioca na 32ª rodada e afundou o Fluminense no Brasileirão. Foto: Futura PressDellatorre comemora com Paulo Baier seu gol na vitória do Atlético-PR por 1 a 0 sobre o Inter. Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo/Futura PressJogadores do Cruzeiro comemoram o gol de Everton Ribeiro contra o Santos na Vila. Foto: Leandro Martins/Futura PressSantos e Cruzeiro duelaram na Vila Belmiro pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. Foto: Futura PressBarcos tenta dominar a bola no duelo entre Grêmio e Bahia pela 32ª rodada do Brasileirão. Foto: Futura PressLins (Criciúma) e Rildo (Ponte Preta) disputam a bola no empate em 1 a 1 no Heriberto Hulse. Foto: Fernando Ribeiro/Futura PressDiego Tardelli comemora gol do Atlético-MG na vitória sobre o Náutico por 5 a 0. Foto: Bruno Cantini/Flickr Clube Atlético MineiroRenan, goleiro do Goiás, evita o gol de Gabriel para o Botafogo no Serra Dourada. Foto: Carlos Costa/Futura PressDouglas tenta levar o Corinthians ao ataque contra o Vitória. Foto: Felipe Oliveira/Agif/Gazeta PressAloísio pisa em Douglas, que comemora com Rodrigo Caio o primeiro gol do São Paulo diante da Portuguesa. Foto: Wagner Carmo/Inovafoto/Gazeta PressAloisio entra em dividida com Valdomiro durante a vitória do São Paulo sobre a Portuguesa por 2 a 1. Foto: Marcos Bezerra/Futura PressPedro Ken protege a bola da marcação de Robinho em ataque do Vasco contra o Coritiba. Foto: Celso Avila/Futura Press

No primeiro tempo, o Botafogo foi melhor em boa parte do tempo e teve as melhores chances de abrir o placar. No entanto, na etapa final, o Goiás melhorou e passou a criar mais. Só que o gol da vitória só saiu aos 42 minutos, com Eduardo Sasha.

Confira a tabela de classificação do Brasileirão

Na próxima rodada, o Botafogo terá pela frente o Internacional, em Caxias do Sul, no domingo. Já o Goiás, terá dois duelos seguidos contra o Flamengo. Primeiro, na quarta-feira, pela Copa do Brasil. Já no fim de semana, o confronto será pelo Brasileiro. Ambos os jogos serão no Maracanã.

O jogo 

A partida começou com as duas equipes buscando o ataque. O Goiás chegava próximo ao gol, mas não conseguia finalizar com perigo. Já o Botafogo tinha mais dificuldade, mas teve a primeira chance, aos 11 minutos. Após boa troca de passes, a bola chegou em Gegê, mas o meia demorou para chutar e quando o fez, viu Renan fazer a defesa sem problema.

Carlos Costa/Futura Press
Renan, goleiro do Goiás, evita o gol de Gabriel para o Botafogo no Serra Dourada

Aos poucos, os times diminuíram o ritmo e o jogo passou por um período sem emoção. Somente aos 29 minutos, o Botafogo chegou com perigo. Após cobrança de escanteio, Rafael Marques chutou de primeira, mas Renan fez a defesa com segurança. A resposta do Goiás veio no minuto seguinte. Eduardo Sasha arriscou de longe e obrigou Jefferson a fazer boa defesa.

Na parte final do primeiro tempo, o Botafogo teve sua melhor chance de ir para o intervalo a frente no placar. Aos 43 minutos, Elias foi lançado, passou por um marcador, mas não finalizou e acabou se chocando com o goleiro Renan. A bola sobrou para Rafael Marques, que chutou, mas viu a zaga tirar o gol em cima da linha.

No segundo tempo, novamente as duas equipes vieram com o intuito de buscar o gol. O Botafogo teve ótima chance aos oito minutos, quando Julio Cesar fez grande jogada pela esquerda e tocou para Elias. O atacante finalizou, mas em cima de Amaral, que salvou os donos da casa. O Goiás respondeu quatro minutos depois, com Eduardo Sasha. O meia foi lançado e finalizou cruzado, só que parou em grande defesa e Jefferson.

O lance animou os esmeraldinos, que melhorou e passou a criar mais chances de abrir o placar. O Goiás teve duas oportunidades, mas, primeiro, Vítor finalizou para fora e depois Eduardo Sasha parou em boa defesa de Jefferson. Logo em seguida, por conta do forte calor, o árbitro Sandro Meira Ricci paralisou a partida por dois minutos para que os jogadores pudessem beber água.

Na volta, o panorama do jogo seguiu o mesmo. O Goiás chegava com mais facilidade ao ataque, mas parava nas defesas de Jefferson. Já o Botafogo, só voltou a ameaçar aos 34 minutos. Edílson fez boa jogada individual e chutou cruzado para grande defesa de Renan.

Quando parecia que o empate seria o resultado no Serra Dourada, o Goiás conseguiu chegar ao gol da vitória, aos 42 minutos. Léo Bonatini cruzou pela esquerda e Eduardo Sasha apareceu para cabecear sem chance para Jefferson e dar números finais ao confronto.

Veja o gol da partida: 


FICHA TÉCNICA
GOIÁS 1 X 0 BOTAFOGO

Local:  Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data:  3 de novembro de 2013, domingo
Horário:  17 horas (de Brasília)
Árbitro:: Sandro Meira Ricci (Fifa-PE)
Assistentes:: Márcia Bezerra Caetano (RO) e Clóvis da Silva (PE)
Cartões amarelos:: Amaral, Eduardo Sasha e Rodrigo (Goiás)
GOL
GOIÁS:  Eduardo Sasha, aos 42 minutos do segundo tempo

GOIÁS:: Renan; Vítor, Ernando, Rodrigo e William Matheus; Amaral, David, Hugo (Thiago Mendes), Eduardo Sasha e Roni (Wellington Júnior); Júnior Viçosa (Léo Bonatini)
Técnico: Enderson Moreira

BOTAFOGO:  Jéfferson; Edílson, André Bahia, Bolívar e Júlio César; Marcelo Mattos (Lucas Zen), Gabriel, Gegê (Hyuri), Seedorf (Lodeiro) e Rafael Marques; Elias
Técnico: Oswaldo de Oliveira

Leia tudo sobre: GoiásBotafogoBrasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas