Além de salvar o Palmeiras da derrota contra o Paraná, gol faz atacante respirar aliviado após levar broncas e recuperar a confiança de Gilson Kleina

Leandro comemora gol de empate com o Paraná
Giuliano Gomes/Gazeta Press
Leandro comemora gol de empate com o Paraná

O Palmeiras era derrotado pelo Paraná Clube até os 43 minutos do segundo tempo quando Leandro invadiu a área pela direita e deu toque sutil para deslocar Luis Carlos e definir o 1 a 1 no placar. Além de salvar o time de derrota, o gol fez o atacante respirar aliviado após levar broncas por expulsão diante do Bragantino e recuperar a confiança de Gilson Kleina.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Eu acho que foi infantilidade minha aquela expulsão e eu assumo o erro. Só que todo mundo erra. Ele (Kleina) me deu uma nova chance e eu procurei corresponder da melhor maneira possível. Corri, marquei e consegui fazer um gol para ajudar a equipe", comemorou o artilheiro alviverde na temporada com 16 gols.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias da Série B

Sem empolgação, Kleina reconheceu a importância do gol e a dedicação de Leandro no jogo deste sábado, válido pela 33ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O treinador, no entanto, afirmou que o camisa 38 poderia ter rendido muito mais e que confiará mais uma vez no jogador após ver a resposta dentro de campo.

"Conversei muito com ele depois da expulsão. Às vezes ele tem problemas extra campo que não chegam para a comissão técnica e a gente sabe que o jogador precisa ter a cabeça toda voltada para os jogos. O desempenho dele não foi o esperado aqui (Curitiba), mas tenho que enaltecer o espírito de luta. Ele tentou fazer do jeito que deu e foi premiado com o gol.", analisou o comandante.

Mesmo sem saber se ficará no Palmeiras a partir do próximo ano, Gilson Kleina espera que o clube consiga renovar com Leandro. O jovem pertence ao Grêmio, mas os palmeirenses acreditam que manterão o jogador no elenco para o retorno à elite do futebol. Para o atual treinador, dificilmente um atacante com as qualidades de Leandro será encontrado pelos dirigentes.

"Uma das principais virtudes dele é a finalização. Ele tem muita tranquilidade para isso. Já o crescimento dele virá somente com a maturidade. É claro que às vezes as cosias não dão certo no jogo e a gente procura conversar bastante para que entenda que precisa ficar calmo", elogiou o técnico palestrino ainda na Vila Capanema.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.