Por ‘menos peso’, Seedorf diz torcer para Flamengo na semi na Copa do Brasil

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Time tirou o Botafogo com uma goleada e holandês comenta que, se rival avançar, pelo menos pode falar que foi eliminado pelo finalista

Flickr/Botafogo F.R.
Seedorf e Elias durante clássico entre Botafogo e Flamengo

Desde que chegou ao Botafogo, em julho do ano passado, Seedorf talvez não tenha amargado uma derrota tão emblemática quanto à para o Flamengo, por 4 a 0, no Maracanã, pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. Entretanto, o meia holandês mostrou que não guarda ‘ressentimentos’ e nenhum ‘espírito de revanche’ contra os rubro-negros. Em entrevista concedida ao Sportv, o experiente jogador disse que o triunfo flamenguista foi merecido e que, curiosamente, espera que o Flamengo alcance a final do torneio nacional.

Quem deve avançar na Copa do Brasil? Comente com outros leitores

O raciocínio de Seedorf é simples. Se o time da Gávea passar pelo Goiás - já venceu a primeira partida por 2 a 1, fora de casa- e atingir a decisão da Copa do Brasil, o Botafogo terá um pouco de sua dor ‘amenizada’, já que seria lembrado por ter sido eliminado por um dos finalistas da competição brasileira.

Veja tabela e artilharia da Copa do Brasil

"Eu espero que eles cheguem na final, porque aí tira um pouco do peso da gente. Nós poderíamos falar que fomos eliminados por quem chegou na final, assim como o Cruzeiro também", brincou Seedorf, antes de resumir a atuação botafoguense diante do Flamengo no tropeço por 4 a 0: "Nós não fizemos o nosso melhor jogo, mas também não podemos dramatizar".

O craque prosseguiu, agora exaltando o desempenho do time rubro-negro no confronto realizado em duas partidas no Maracanã - a primeira terminou com empate por 1 a 1. "Acho que o primeiro jogo foi equilibrado. Já o segundo foi daquelas noites que você pode jogar mais cinco horas e sabe que não vai dar certo", afirmou.

"O Flamengo teve uma note inspirada, jogou melhor que a gente. Com mais vontade, não vontade de ganhar, mas eles estavam com mais perna, mais tudo que a gente. Acontece. Esse é o futebol. Eu já fui eliminado na Champions League depois de ganhar o primeiro jogo por 4 a 1 dentro de casa. Foi contra o Deportivo La Coruña, nas quartas de final em 2003/04. Na volta, nós tomamos de 4 a 0 fora de casa. Vai entender né? Às vezes não tem explicação", acrescentou.

Após ter eliminado o Botafogo de Seedorf nas quartas de final e vencido o Goiás no primeiro duelo das semis, o Flamengo volta a campo pela Copa do Brasil na próxima quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), diante do mesmo Esmeraldino, no Maracanã. A equipe rubro-negra venceu o primeiro jogo por 2 a 1, no Serra Dourada, e pode perder por até um gol de diferença - caso sofra menos de três gols - para avançar à grande decisão do torneio nacional.

Leia tudo sobre: SeedorfFlamengoCopa do Brasilbotafogo

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas