Estudo aponta Corinthians como clube mais transparente do Brasil

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Relatório da Pluri Consultoria aponta evolução de clubes brasileiros e diz que transparência financeira é fundamental para atrair investidores e patrocinadores

Mauro Horita/Agência Corinthians
Mario Gobbi, presidente do Corinthians, e o antecessor Andrés Sanchez: clube transparente

Pelo segundo ano consecutivo, o Corinthians foi avaliado como o clube mais transparente do Brasil. No estudo da Pluri Consultoria, a equipe paulista foi a única a atingir o conceito “bom”, com nível de transparência de 58,4%. Vitória, Santos e Fluminense aparecem na sequência, todos com índice abaixo dos 50%. Ceará, Fortaleza, Remo e Vila Nova foram os clubes com pior avaliação.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

No estudo, a Pluri avalia a relação dos clubes com torcedores e mídia no que diz respeito a finanças. Para chegar ao resultado, são levados em conta 31 fatores, com destaque para publicação de balanços financeiros anuais, publicação do orçamento do ano vigente e divulgação do estatuto do clube.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias da Série B do Brasileiro

De acordo com os consultores da Pluri, a transparência financeira tem efeitos práticos. “Quanto maior for a credibilidade da instituição, melhor será seu poder de atração e barganha junto aos melhores investidores e patrocinadores”, diz o relato. “Outras entidades têm postura no estilo ‘caixa-preta’, o que reduz o grau de credibilidade no mercado e afasta potenciais parceiros”.

Deixe seu recado e comente esta notícia com outros leitores

O estudo aponta uma evolução “lenta e gradual” no nível de transparência no futebol brasileiro. O melhor exemplo é o Guarani, que foi do 28º para o 5º lugar. “A política de divulgação inclui a publicação de resultados trimestrais e anuais, e reuniões do Conselho Deliberativo e da Assembléia de Sócios, com divulgação das respectivas atas de reuniões”, diz o clube campineiro.

O Goiás, que passou da 24ª para a 11ª posição, é outro destaque. “Divulga um dos balanços mais detalhados entre os clubes brasileiros”, diz o relatório, que também elogia o Vitória: “É o único a disponibilizar, na internet, o seu planejamento estratégico”. A equipe baiana, vice-líder do ranking, estava em 12º lugar no ano passado.

Veja a posição e o índice de transparência das 34 equipes avaliadas:

1º - Corinthians (58,4%)
2º - Vitória (48,8%)
3º - Santos (46,7%)
4º - Fluminense (45%)
5º - Guarani (42,6%)
6º - Atlético-PR (40,9%)
7º - Avaí (38,1%)
8º - Palmeiras (36,4%)
9º - Coritiba (35,1%)
10º - Joinville (31,3%)
11º - Flamengo (30,2%)
12º - Goiás (30,2%)
13º - São Paulo (28,2%)
14º - Paraná Clube (27,1%)
15º - Vasco (26,8%)
16º - Grêmio (25,9%)
17º - Internacional (25,9%)
18º - Bahia (24,1%)
19º - Criciúma (24,1%)
20º - Cruzeiro (23,7%)
21º - Portuguesa (23,2%)
22º - Sport (22%)
23º - Botafogo (21%)
24º - Atlético-MG (20,1%)
25º - Santa Cruz (15,5%)
26º - Figueirense (15,3%)
27º - Ponte Preta (14,4%)
28º - Náutico (12,7%)
29º - Paysandu (8,6%)
30º - Atlético-GO (6,9%)
31º - Ceará (0%)
32º - Fortaleza (0%)
33º - Remo (-3,4%)
34º - Vila Nova (-3,4%)

Leia tudo sobre: brasileirãocorinthians

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas