Vitória em 'jogo-chave' faz Jayme elogiar humildade de seus jogadores

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Treinador do Flamengo manteve a filosofia de seus discursos após vitória fora de casa diante do Goiás

Desde que assumiu o comando do Flamengo, Jayme de Almeida sempre adotou o mesmo discurso, no qual humildade e determinação se tornaram ingredientes fundamentais dentro do grupo. Desta forma, a vitória nesta quarta-feira, por 2 a 1, sobre o Goiás, no Serra Dourada, agradou o treinador. Mais perto da final da Copa do Brasil, o comandante evitou cravar a classificação, mas ressaltou a importância do confronto.

Confira a tabela completa e a artilharia da Copa do Brasil

"Era um jogo-chave para gente. Eu acho que a equipe encontrou uma forma legal de jogar e é muito legal ver um grupo interessado em trabalhar. Esses garotos entenderam que a fórmula para conseguir alguma coisa é trabalhando, produzindo, lutando, mantendo sempre um espírito de humildade para dar o melhor para a equipe. Hoje, é muito bonito de ver o Flamengo jogar nesse aspecto", destacou Jayme de Almeida.

Veja fotos das semifinais da Copa do Brasil

Paulo Baier tenta aplicar um chapéu em Lucas Coelho na semi da Copa do Brasil. Foto: Heuler Andrey/Gazeta PressDellatorre fez o gol da vitória do Atlético-PR diante do Grêmio. Foto: CLEBER YAMAGUCHI/Agência Eleven/Gazeta PressPaulinho abre o placar para o Flamengo no Serra Dourada. Foto: Rafaela Felicciano/Agência Eleven/Gazeta PressRodrigo, zagueiro do Goiás. Foto: Luiz Pires/VipcommPaulinho, autor do primeiro gol do Fla, encara a marcação. Foto: Luiz Pires/Vipcomm


O treinador também elogiou o lado esquerdo do time flamenguista. A parceria entre André Santos e Paulinho, fundamental na classificação diante do Botafogo na fase anterior, voltou a funcionar, afinal foi por este setor do campo que nasceu o primeiro gol do jogo. Após a tabela entre os dois jogadores, o meia-atacante que driblou o zagueiro Rodrigo e inaugurou o marcador.

"Naquele jogo contra o Botafogo, a ideia era colocar o Paulinho para ajudar o André (Santos) na marcação, e a coisa foi muito melhor do que eu esperava. Hoje (quarta-feira), isso se confirmou. O gol do Flamengo foi uma jogada muito bonita, o caminho é esse", analisou o comandante rubro-negro, ciente da importância do veloz Paulinho entre os titulares da equipe carioca.

Com relação ao jogo da volta, Jayme de Almeida seguiu o discurso dos jogadores na saída de campo e afirmou que ainda não tem nada decidido. O treinador aproveitou para elogiar, mais uma vez, a postura do Flamengo dentro de campo, mas alertou para a partida da volta no Maracanã. Precisando apenas de um empate para chegar à final da Copa do Brasil, o comandante pede atenção de seus jogadores.

"Acredito que não está decidido ainda. Fizemos uma partida muito boa taticamente, marcamos bem e contra-atacamos muito bem. Fizemos dois gols fora, um resultado fantástico, mas temos que chegar no Maracanã e confirmar a nossa vaga. Eu sei que a torcida do Flamengo vai lotar o estádio, mas não podemos achar que, só porque a torcida vai estar lá, vamos ganhar o jogo", concluiu Jayme de Almeida.

Leia tudo sobre: flamengojayme de almeidacopa do brasil

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas