Há 5 anos no Atlético-MG, Kalil tem médias de 1 técnico e 18 atetas por ano

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Durante o mandato, presidente ganhou a Libertadores, levou a equipe ao Mundial da Fifa, contratou cinco treinadores e 93 atletas

Bruno Cantini / Divulgação
Kalil: presidente campeão da Libertadores

Alexandre Kalil, presidente do Atlético-MG, completou na última quarta-feira cinco anos no comando da equipe mineira. A data é comemorada no ápice de sua gestão à frente do clube, com o time campeão da Libertadores e se preparando para a disputa do Mundial de Clubes, em dezembro, no Marrocos.

Veja classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

Kalil chegou ao cargo após a renúncia do então presidente Ziza Valadares. Kalil venceu as eleições com grande apoio da torcida alvinegra e assumiu o posto para o triênio 2009/2011, sendo reeleito ao término do mandato para ficar à frente do Galo até o fim de 2014.

Leia mais: Cuca sugere mudanças para jogo do Atlético-MG contra o Náutico

Nos cinco anos de comando, Kalil contratou os técnicos Emerson Leão, Celso Roth, Vanderlei Luxemburgo, Dorival Junior e Cuca, que está em sua terceira temporada no clube. No mesmo período, 93 jogadores chegaram ao Atlético-MG, entre eles Ronaldinho Gaúcho, Jô e Victor, fundamentais para a conquista da Libertadores 2013, maior título do clube em seus 105 anos de existência.

Para encerrar sua melhor temporada no comando do Atlético-MG, Kalil aposta no título mundial do clube em dezembro. Para vencer a competição, o time pode ter que superar o Bayern de Munique, atual campeão da Liga dos Campeões e que conta com sete jogadores entre os 23 relacionados pela Fifa para concorrer ao prêmio de melhor jogador do ano.

Leia tudo sobre: brasileirãoatlético-mg

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas