Tamanho do texto

Coordenador técnico da seleção brasileira vê vantagem para o argentino Lionel Messi para vencer o prêmio, mas aponta Neymar como ídolo da torcida do Barcelona

Carlos Alberto Parreira, coordenador técnico da seleção brasileira
Gazeta Press
Carlos Alberto Parreira, coordenador técnico da seleção brasileira

Neymar será eleito um dos três melhores jogadores do mundo de 2013 - pelo menos essa é a previsão de Carlos Alberto Parreira, coordenador técnico da seleção brasileira, que vibrou com a presença do atacante brasileiro do Barcelona na relação de 23 finalistas do prêmio concedido pela Fifa.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Neste momento, o Messi ainda leva uma vantagem muito grande. Mas com certeza o Neymar estará entre os três finalistas. Isso já é um progresso enorme. Ele virou ídolo da torcida catalã em pouco tempo", disse Parreira.

Leia mais: Com Neymar e Thiago Silva, Fifa anuncia indicados ao prêmio de melhor do mundo

Quando soube que Neymar não era o único jogador brasileiro na lista da Fifa - o zagueiro Thiago Silva também aparece entre os indicados -, o coordenador da Seleção ficou ainda mais satisfeito. "Estamos bem representados. E pelo menos um deles estará entre os três finalistas", voltou a prever.

Além de Neymar e Thiago Silva, Luiz Felipe Scolari concorrerá com nove profissionais ao prêmio de melhor técnico da temporada. "Isso é muito importante. O Felipão mereceu pelo trabalho que fez nesse primeiro período com a Seleção", comentou Parreira, o braço direito do comandante brasileiro, com o título da Copa das Confederações em mente. José Maria Marin, que sempre gosta de aplaudir a parceria de treinadores que montou, fez questão de enaltecer também o trabalho de Carlos Alberto Parreira. "Para nós, é como se os dois tivessem sido indicados. Consideramos assim", elogiou o presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

Veja fotos da carreira de Neymar:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.