Atlético-PR começa caminhada em busca de final inédita diante do Grêmio

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Embalados por suas campanhas no Brasileirão, times têm a missão de encurtar caminho para a Libertadores de 2014

Divulgação/Vipcomm
Grêmio eliminou o Corinthians nas quartas

Em busca de um título inédito, o Atlético-PR recebe para a primeira partida das semifinais da Copa do Brasil um misterioso Grêmio, nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), na Vila Capanema, em Curitiba. Embalados por suas campanhas no Campeonato Brasileiro, os times têm a missão de encurtar seu caminho para a Libertadores, além de fazer valer o rótulo de favoritos que ostentam no momento.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O técnico Vagner Mancini deverá ter em mãos sua equipe ideal para dentro de casa buscar uma vantagem, aproveitando ainda dos desfalques do adversário que vem de derrota no Brasileirão. A ordem é impor o ritmo desde o início e buscar gols, com atenção redobrada na defesa para não tomá-los.

Confira tabela de jogos, artilharia e notícias da Copa do Brasil

O goleiro Weverton reforçou a importância de entrar em campo ligado para evitar surpresas que mais para frente podem ficar difíceis de reverter. "É um grande adversário e será um bom jogo. Temos que fazer uma boa preparação. Temos que estar 100% ligados e de maneira nenhuma podemos tomar gol. Se conseguirmos não tomar e fazer, será muito importante para chegarmos a final que tanto almejamos", avaliou.

Albari Rosa/Gazeta do Povo/Futura Press
Atlético-PR chegou às semifinais da Copa do Brasil depois de passar pelo Inter

O zagueiro Manoel e o meio-campo Paulo Baier, poupados na partida diante do Bahia, e o lateral-direito Léo, que cumpriu suspensão, reassumem naturalmente suas vagas na equipe titular nos lugares de Dráusio, Fran Mérida e Jonas respectivamente. Pedro Botelho e Marcelo ainda dependem de liberação do departamento médico.

Goleado pelo Coritiba no último domingo, o Grêmio permaneceu concentrado na capital paranaense. Os 4 a 0 sofridos no final de semana não abalam a confiança da equipe. "Nada deu certo, estamos cientes disso. Não é o nosso estilo esse tipo de jogo. Mas temos uma decisão quarta, e precisamos mudar a postura, pois queremos muito essa Copa do Brasil", afirmou o lateral Alex Telles.

A equipe que jogou contra o Coritiba, além de desfocada, é bem diferente da que jogará na Vila Capanema. Kleber, Barcos e Vargas, suspensos, não poderão enfrentar o Furacão. Nomes como Adriano e Matheus Biteco atuaram no Couto Pereira para poupar jogadores desgastados, casos de Souza, Rhodolfo e Ramiro, três dos principais nomes do sistema defensivo da equipe.

A escalação para esta quarta está recheada de mistérios. O trio de volantes formado por Souza, Ramiro e Riveros é uma das poucas certezas para o confronto. A partir daí, surgem ao menos três possibilidades de esquema. A mais provável é o 3-6-1: neste caso, Elano e Maxi Rodríguez disputam uma vaga na articulação e Lucas Coelho, Yuri Mamute e Paulinho brigam por um lugar no ataque. Apesar disso, não para descartar o Tricolor num 3-5-2 ou até mesmo no 4-5-1.

Após a derrota para o Coritiba, as possibilidades de título brasileiro para o Grêmio se tornaram muito remotas. Os jogadores admitem isso, e a chance de ganhar a Copa do Brasil, bem mais real, faz o elenco manter o foco no torneio em mata-mata, que pode dar ao Tricolor seu primeiro título de expressão nacional em 12 anos.

"Espero que tenha sido um acidente de percurso, e que quarta a gente entre concentrado como contra o Corinthians, pois a Copa do Brasil é o título que ainda podemos conquistar", avaliou o atacante Kleber, suspenso do jogo desta quarta, após a derrota para o Coritiba.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR X GRÊMIO

Local:  Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba (PR)
Data:  30 de outubro de 2013, quarta-feira
Horário:  21h50 (de Brasília)
Árbitro:  Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Assistentes:  Carlos Berkenbrock (SC) e Carlos Augusto Nogueira Junior (SP)

ATLÉTICO-PR:  Weverton; Léo, Manoel, Luiz Alberto e Pedro Botelho (Juninho); Deivid, João Paulo, Everton e Paulo Baier; Marcelo (Dellatorre) e Ederson.
Técnico:  Vagner Mancini

GRÊMIO:  Dida; Werley, Rhodolfo e Bressan; Pará, Souza, Ramiro, Riveros, Maxi Rodríguez (Elano) e Alex Telles; Lucas Coelho (Yuri Mamute)
Técnico:  Renato Gaúcho

Leia tudo sobre: Copa do BrasilAtlético-PRGrêmio

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas