Santos sonha com Tite e estuda opções para a próxima temporada

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Permanência de Claudinei Oliveira não é consenso na diretoria. Caso saia do Corinthians, gaúcho é o principal alvo

Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Tite é pretendido pelo Santos

O Campeonato Brasileiro ainda não terminou, mas a diretoria do Santos já começa a se planejar para a próxima temporada. Dentre os principais assuntos discutidos pela cúpula está a troca no comando técnico. Claudinei Oliveira não é unanimidade internamente e, alvo de cobranças, dificilmente terá o seu contrato, que termina no fim do ano, renovado. Sendo assim, o treinador do Corinthians, Tite, é tido como a melhor opção para o cargo.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

O atual comandante do rival seria o primeiro nome na lista. Os contatos iniciais já teriam sido mantidos, mas Tite ainda pretende discutir a sua situação junto ao Corinthians. O vínculo do técnico é válido até o fim do ano.

Além de Tite, os dirigentes do Santos estudam outras alternativas para o posto, caso as negociações com o treinador, bastante valorizado no mercado, não tenham um desfecho positivo.

Desta forma, Dorival Júnior, demitido do Vasco na última segunda-feira, Mano Menezes, desempregado após pedir demissão do Flamengo, Abel Braga, também desempregado, e Guto Ferreira, da Portuguesa, são tratadas como boas opções pelo Comitê de Gestão.

O comandante do Palmeiras, Gilson Kleina, que não tem a sua situação definida, também estaria entre os cotados para ocupar o cargo. O nome foi oferecido, porém, não é visto como uma das prioridades dentro da cúpula.

Enquanto o Santos busca solidificar a estratégia para contratar um técnico de peso, Claudinei cobrou um posicionamento dos dirigentes sobre o seu futuro. O treinador tem participado do planejamento para 2014, mas sem indicar nomes de possíveis reforços.

Leia tudo sobre: santostiteclaudinei oliveira

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas