Equipe paulista perdeu quatro mandos de campo após o confronto entre torcedores e policiais militares no clássico contra o Corinthians, no dia 13 de outubro

Torcedores do São Paulo enfrentam os policiais na arquibancada do Morumbi
Miguel Schincariol/Gazeta Press
Torcedores do São Paulo enfrentam os policiais na arquibancada do Morumbi

Punido com perda de mando de campo em quatro partidas, o São Paulo está próximo de confirmar para onde levará seus jogos como mandante, depois de ainda fazer uma última partida no Morumbi (contra a Portuguesa, no domingo). Itu e Araraquara são as cidades cogitadas.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

É quase certo de que a primeira receberá o duelo contra o Flamengo, válida pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro, em 13 de novembro. Segundo o vice-presidente de futebol, João Paulo de Jesus Lopes, Araraquara deverá ser definida como palco a partir do compromisso seguinte como mandante (diante do Botafogo, no dia 24).

Confira classificação, tabela de jogos, notícias e artilharia do Brasileirão

Depois disso, o São Paulo ainda teria mais uma partida de pena a cumprir nesta edição da competição nacional (contra o Coritiba, em 8 de dezembro), porém o departamento jurídico são-paulino acredita que conseguirá redução da punição para duas perdas de mando.

Enquadrado no artigo 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, o clube foi punido em função do confronto entre torcedores e policiais militares no clássico de 13 de outubro, frente ao Corinthians. A perda de mando exige que o novo estádio fique a uma distância superior a 100 km do Morumbi.

Itu, onde fica o Estádio Novelli Júnior, está situada a 104 km de São Paulo. Já Araraquara, que dispõe da Fonte Luminosa (um das melhores arenas do Estado) dista 277 km da capital paulista.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.