Após polêmica, Blatter manda carta e se desculpa com Cristiano Ronaldo

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Presidente da Fifa havia dito que os gastos com cabeleireiro é um aspecto que diferencia o craque português de Lionel Messi

Getty Images
Joseph Blatter, presidente da Fifa

Por meio de uma carta, o presidente da Fifa Joseph Blatter se retratou com a Federação Portuguesa de Futebol por uma brincadeira feita com o jogador Cristiano Ronaldo, que acabou gerando um mal-estar entre as partes.

Comente esta notícia com outros torcedores

"Peço que transmita as minhas desculpas ao jogador e à comunidade do futebol português e que aceite, caro presidente, os meus mais cordiais cumprimentos. No fim da minha participação, o moderador (do debate) me perguntou sobre os jogadores Cristiano Ronaldo e Lionel Messi. Respondi a ele que estes dois jogadores são excepcionais, as estrelas do nosso esporte. São iguais, mas cada um com um estilo de jogo diferente. Lamento, sinceramente, que as minhas palavras, colocadas fora do contexto, tenham sido mal-interpretadas", declarou o suíço.

Na última sexta-feira, Blatter brincou com o jeito de Cristiano Ronaldo se mover quando foi perguntado sobre as diferenças entre ele e Lionel Messi. Além disso, o presidente da instituição máxima do futebol mundial destacou a vaidade do jogador: "Um gasta mais em seu cabeleireiro do que outro, mas isso não importa".

A repercussão do vídeo em nível mundial fez com que o jogador do Real Madrid respondesse de forma áspera, afirmando que faltou respeito aos portugueses.

"Este vídeo mostra claramente o respeito e a consideração que a Fifa tem por mim, pelo meu clube e meu país. Muita coisa está explicada agora. Desejo ao senhor Blatter saúde e uma vida longa, com a certeza de que ele vai continuar a testemunhar, como ele merece, os sucessos de seus times e jogadores favoritos", disparou Ronaldo.

Leia tudo sobre: joseph blatterfifamessicristiano ronaldofutebol mundialespanha

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas