América-MG frustra torcida, perde para o Paysandu e fica longe do G4

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Equipe mineira tropeçou em casa e chegou a seis jogos consecutivos de jejum como mandante

A torcida do América-MG atendeu aos pedidos da diretoria e dos jogadores e lotou o Independência, nesta terça-feira, para empurrar o time contra o Paysandu, mas dentro de campo os atletas não corresponderam e o time perdeu por 1 a 0, frustrando as pretensões de encostar no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias da Série B do Brasileiro

O revés mantém o jejum de vitórias dos mineiros atuando em casa, que completou seis partidas, e confirma o primeiro triunfo do Paysandu fora dos domínios.

O gol do jogo foi anotado por Careca, que completou cruzamento de Diego Barboza. Com a vitória, o Paysandu chegou aos 35 pontos e já enxerga possibilidade de escapar do rebaixamento. A equipe paraense ocupa o 17º lugar, com a mesma pontuação do ABC, mas perde no número de vitórias. Já o América-MG estaciona nos 48, perde contato com o G4 e nem o apoio do torcedor tem ajudado o time, que teve Willians expulso ainda no primeiro tempo.

Na sequência do Campeonato Brasileiro da Série B, o América-MG terá novo compromisso diante da torcida, recebendo o ASA, sexta-feira, no Independência. Já o Paysandu joga no mesmo dia, o duelo, porém, será contra o Joinville, no interior catarinense.


FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-MG 0 X 1 PAYSANDU

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 29 de outubro de 2013, terça-feira
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: Luiz Carlos Silva Teixeira (BA) e José Eduardo Calza (RS)
Cartões amarelos: Jaílton, Vitor Hugo(América-MG); Yago Pikachu, Vanderson, Dirceu(Paysandu)
Cartão vermelho: Willians (América-MG)
Público: 12.959 pagantes
Renda: R$ 61.645,00
Gol:
Paysandu: Careca, aos 37 minutos do primeiro tempo

AMÉRICA-MG: Matheus; Elsinho, Jaílton, Vitor Hugo e Danilo; Claudinei, Andrei Girotto (Marcão), Elvis (Igor) e Bady; Willians e Alessandro (Fábio Júnior)
Técnico: Silas

PAYSANDU: Matheus; Yago Pikachu, Leonardo, Fábio Sanches e Diego Barboza (Alex Gaíbu); Vanderson, Zé Antônio, Eduardo Ramos Jaílton; Marcelo Nicácio (Dennis) e Careca (Dirceu)
Técnico: Vágner Benazzi

Leia tudo sobre: série bamérica-mgpaysandu

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas