Pato fala em ajudar o Corinthians a se classificar para a Libertadores

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

A meta de Pato ficou ainda mais complicada de ser alcançada depois do resultado deste fim de semana. O Corinthians ocupa a 12ª colocação do Brasileiro, somando 41 pontos

O atacante Alexandre Pato evitou conceder entrevistas no dia em que provavelmente mais insultos e cobranças ouviu em toda a sua carreira. Bastante hostilizado no empate por 1 a 1 com o Santos, neste domingo, o astro citou só um objetivo coletivo ao deixar o gramado da Arena Fonte Luminosa.

"Meu objetivo é ajudar o Corinthians a buscar a Libertadores", resumiu Pato, em sua única declaração ao sair do gramado, tentando afastar os microfones da sua frente.

Orgulhoso de si, Tite cita Rivellino e pede para Pato "sentir a carne queimar"

A meta de Pato ficou ainda mais complicada de ser alcançada depois do resultado deste fim de semana. O Corinthians ocupa a 12ª colocação do Campeonato Brasileiro, somando 41 pontos, enquanto o quarto colocado Atlético-PR totaliza 52. Restam sete rodadas para o término da competição.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Alexandre Pato entrou no segundo tempo do empate do Corinthians contra o Santos

Chegar à Libertadores com um título da Copa do Brasil deixou de ser uma opção para o Corinthians depois que Pato bateu um pênalti de forma caricata na disputa com o Grêmio, na última quarta-feira, decretando a eliminação do Corinthians.

Por causa daquele lance, o atacante ouviu as mais diversas ofensas em Araraquara. "Pato, c...! Fora do Timão!", foi um dos coros da torcida. Quando ele substituiu o jovem Diego Macedo no segundo tempo, contudo, parte do público o aplaudiu.

Leia tudo sobre: corinthiansalexandre patoigsplibertadores

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas