Muricy descarta alegria com boa fase do São Paulo e se diz apenas aliviado

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Depois de ter vencido o Inter por 3 a 2, em Caxias do Sul, o São Paulo chegou aos 43 pontos, tendo dez de vantagem sobre a Ponte Preta, que é a primeira equipe na zona de degola

A vitória fora de casa sobre o Internacional deixou o São Paulo em uma situação mais confortável neste Campeonato Brasileiro. Mesmo com seis rodadas de invencibilidade no Nacional, o técnico Muricy Ramalho descarta o clima de festa e demonstra que se distanciar da área de perigo era apenas obrigação.

Confira a classificação e os próximos jogos do Campeonato Brasileiro

“Quando o ser humano está apertado, faz tudo certinho. Depois, quando respira, faz tudo errado de novo. Não podemos nos esquecer dos erros que cometemos, porque um gigante deste não pode brigar contra rebaixamento. Não tem motivo de alegria, estamos aliviados”, afirmou.

Eduardo Martins/Futura Press
Aloisio dá voadora em Muricy na comemoração de gol do São Paulo

Depois de ter vencido o Inter por 3 a 2, em Caxias do Sul, o São Paulo chegou aos 43 pontos, tendo dez de vantagem sobre a Ponte Preta, que é a primeira equipe na zona de rebaixamento neste Brasileirão. No entanto, Muricy alega que seu time não pode se esquecer as falhas que cometeu durante boa parte do campeonato.

“As vitórias fizeram voltar o bom ambiente, mas temos de saber que o São Paulo não pode brigar embaixo, alguma coisa não estava certa e temos de aprender”, comentou.

O próximo compromisso do Tricolor pelo Brasileirão será realizado no sábado, diante da Portuguesa, no estádio do Morumbi. Antes disso, o clube tem jogo pela Copa Sul-americana, na quarta-feira, contra o Atlético Nacional, da Colômbia.

Leia tudo sobre: são paulomuricy ramalhoigspbrasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas