Sport perde do Libertad mais uma vez e se despede da Copa Sul-Americana

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

O adversário dos paraguaios nas quartas de final sairá do confronto entre Coritiba e Itagui, que decidem a vaga na Colômbia nesta quinta-feira

A missão do Sport era complicada. Depois de perder por 2 a 0 no primeiro jogo, o time pernambucano precisava vencer por três gols de diferença para avançar na Copa Sul-Americana, mas não conseguiu ao menos vencer. Sem a força da torcida, sempre presente na Ilha do Retiro, o Leão foi surpreendido pelo Libertad na Arena Pernambuco e acabou derrotado por 2 a 1.

Confira o chaveamento e os próximos jogos da Copa Sul-Americana

O time paraguaio abriu o placar no final do primeiro tempo, com Jorge González ficando muito perto de garantir a classificação. O Sport ainda foi valente, empatou com Aílson, mas a tarefa era complicada. Sendo assim, o Libertad conseguiu marcar o segundo, novamente com González, e garantiu a classificação.

O adversário dos paraguaios nas quartas de final sairá do confronto entre Coritiba e Itagui, que decidem a vaga na Colômbia nesta quinta-feira. Para o Sport, no entanto, resta a luta pelo acesso à primeira divisão. Neste sábado, o Leão da Ilha enfrenta o Asa de Arapiraca, às 16h20 (de Brasília), na Arena Pernambuco.

Matheus Britto/Futura Press
Sport perdeu do Libertad na Arena Pernambuco

O jogo
As arquibancadas da Arena Pernambuco já mostravam que o torcedor do Sport esbanjava confiança na classificação de sua equipe. Longe da Ilha do Retiro, o Leão não tinha um bom público para acompanhar o duelo pela Copa Sul-Americana, mas isso não foi fator de desmotivação para os anfitriões.

Desde os primeiros minutos de jogo, o Sport pressionou o Libertad. Patrick Silva e Camilo comandavam o ataque, que ainda tinha o experiente Marcos Aurélio e o oportunista Nunes. Desta forma, o time pernambucano teve o domínio do jogo e deu trabalho para o goleiro Rodrigo Muñoz, que conseguiu ia segurando a pressão.

Experiente em competições internacionais, o Libertad era perigoso em lances pontuais e conseguiu abrir o placar no fim do primeiro tempo, na bola parada. Aos 41 minutos, em cobrança de falta para a área, Recalde desviou de letra e Jorge González sobiu sozinho para cabecear.

O gol deixava o Leão em situação muito complicada, já que era necessária marcar quatro gols para avançar às quartas de final, mas a conversa nos vestiários parece ter mudado a postura dos anfitriões. Melhor na etapa complementar, o Sport não precisou de muito tempo para igualar o marcador.

Logo no primeiro minuto, o zagueiro Aílson aproveitou o vacilo da zaga paraguaia, que não conseguiu afastar o perigo, colocou o é direito na bola e igualou o marcador. O resultado, no entanto, ainda estava longe de classificar o Sport, que voltou a pressionar o Libertad para conseguir a virada.

O time paraguaio, no entanto, voltou a mostrar que era perigoso e nem deu espaço para uma possível reação do Leão da Ilha. Aos seis minutos, cinco após o empate, o mesmo Jorge González apareceu livre dentro da área, desviou de cabeça e fez o segundo do Libertad. A classificação dos visitantes estava garantida.

FICHA TÉCNICA
SPORT 1 X 2 LIBERTAD-PAR

Local: Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE)
Data: 23 de outubro de 2013, quarta-feira
Horário: 22h15 (de Brasília)
Árbitro: Darío Ubríaco (Uruguai)
Auxiliares: Carlos Pastorino e Marcelo Costa (ambos do Uruguai)
Cartões Amarelos: Oswaldo, Pery, Patrik Silva (SPORT), Samudio e Pedro Benítez (LIBERTAD)

Gols:
LIBERTAD: Jorge González, aos 41 minutos do primeiro tempo e aos seis minutos do segundo tempo
SPORT: Aílson, a 1 minuto do segundo tempo

SPORT: Saulo; George Lucas, Oswaldo (Gabriel Santos), Ailson e Peri; Anderson Pedra (Sandrinho), Chumacero, Patrik Silva e Camilo; Marcos Aurélio (Jonathan Balotelli) e Nunes
Técnico: Geninho

LIBERTAD: Rodrigo Muñoz; Jorge Moreira, Pedro Benitez, Gustavo Gomes e Gustavo Mencia; Claudio Vargas, Sergio Aquino, Osmar Molinas e Jorge Gonzalez (Samúdio); Jorge Recalde (Freddy Bareiro) e Brian Montenegro
Técnico: Pedro Sarabia

Leia tudo sobre: SportLibertadSul-Americana

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas