Sintonia entre time e torcida toca Jayme de Almeida no Fla: “Me emocionou”

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Torcida flamenguista esgotou sua capacidade de ingressos nesta quarta e apoiou o time na goleada no clássico contra o Botafogo

Alexandre Vidal/Fla Imagem
Jayme de Almeida, técnico do Flamengo

A torcida do Flamengo mostrou confiança em seu time e esgotou os ingressos para o setor rubro-negro desde segunda-feira. Dentro de campo, o clube da Gávea correspondeu e atropelou o Botafogo pelas quartas de final da Copa do Brasil. Depois de um empate em 1 a 1 no primeiro jogo, o time comandado por Jayme de Almeida goleou o rival, por 4 a 0, em uma noite de gala do artilheiro Hernane, que fez os três primeiros gols no confronto.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"O Flamengo se preparou para uma decisão e sabíamos que a torcida viria. O time entrou com muita vontade, mas também foi muito organizado, sabia o que tinha que fazer em campo. O Flamengo entrou para ganhar o jogo e a torcida veio junto com a gente, foi um espetáculo muito bonito para o flamenguista", analisou o treinador Jayme de Almeida.

Leia mais: Hernane brilha, Flamengo goleia Botafogo e vai à semifinal da Copa do Brasil

Criado na Gávea, o comandante rubro-negro, que assumiu o cargo logo após a saída de Mano Menezes, vem tentando aproximar time e torcida, criando uma sintonia entre os dois, principalmente quando o Flamengo joga no Maracanã. Na entrevista coletiva após a goleada, o treinador deixou claro que estava emocionado com o que foi feito em campo.

Jogadores do Atlético-PR comemoram classificação às semifinais da Copa do Brasil. Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo/Futura PressJogadores do Flamengo comemoram um dos gols de Hernane no duelo com o Botafogo. Foto: Futura PressWallace, do Flamengo, e Doria, do Botafogo, disputam a bola no jogo das quartas de final da Copa do Brasil. Foto: Getty ImagesFlamengo passou bem pelo Botafogo no Maracanã e avançou às semifinais da Copa do Brasil. Foto: Futura PressFlamengo passou bem pelo Botafogo no Maracanã e avançou às semifinais da Copa do Brasil. Foto: Futura PressFlamengo passou bem pelo Botafogo no Maracanã e avançou às semifinais da Copa do Brasil. Foto: Futura PressGrêmio e Corinthians decidiram em Porto Alegre uma das vagas nas quartas de final da Copa do Brasil. Foto: Divulgação/VipcommAlexandre Pato tenta passar pela marcação gremista no jogo das quartas de final da Copa do Brasil. Foto: Gazeta PressGrêmio e Corinthians decidiram em Porto Alegre uma das vagas nas quartas de final da Copa do Brasil. Foto: Divulgação/VipcommGrêmio e Corinthians decidiram em Porto Alegre uma das vagas nas quartas de final da Copa do Brasil. Foto: Divulgação/VipcommGrêmio e Corinthians decidiram em Porto Alegre uma das vagas nas quartas de final da Copa do Brasil. Foto: Divulgação/VipcommAtlético-PR e Internacional fizeram duelo decisivo pela Copa do Brasil na noite de quarta-feira. Foto: Divulgação/VipcommAtlético-PR e Internacional fizeram duelo decisivo pela Copa do Brasil na noite de quarta-feira. Foto: Divulgação/VipcommAtlético-PR e Internacional fizeram duelo decisivo pela Copa do Brasil na noite de quarta-feira. Foto: Divulgação/Vipcomm


Confira a tabela de jogos e resultados da Copa do Brasil

"Depois dessa apresentação, o Flamengo mostrou que não importa com o que dizem por aí, pois tem um grupo que vai à luta. Com a torcida junto, é um adversário difícil de ser batido. Foi isso que eu aprendi aqui e tento passar. Tudo me emocionou, a torcida e o time. No Flamengo tem que ter entrega e estamos conseguindo fazer isso", acrescentou o comandante do Flamengo.

Cauteloso, Jayme de Almeida, mesmo após a vitória, preferiu manter os pés no chão e não quis colocar a escalação responsável pela goleada sobre o Botafogo como o time ideal do Flamengo. Para o treinador, nem tudo está perfeito, mas a atitude dos jogadores mostra que o trabalho feito vem rendendo bons frutos para o clube rubro-negro na temporada.

"O time ideal é sempre o que entra em campo, o que está representando o clube, é sempre próximo. Vamos continuar assim, temos que ter tranquilidade nessa hora, pois sabemos que nem tudo está perfeito, mas eu fico feliz pelo o que os jogadores se propuseram a fazer", concluiu Jayme de Almeida, que espera o vencedor do duelo entre Vasco e Goiás nas semifinais da Copa do Brasil.

Leia tudo sobre: Jayme de AlmeidaFlamengoCopa do Brasil

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas