Com gol contra, Manchester United supera a Real Sociedad em Old Trafford

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Equipe inglesa contou com infelicidade de Iñigo Martínez para vencer e assumir a liderança de seu grupo na Liga dos Campeões

Em partida válida pela terceira rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa, o Manchester United recebeu a Real Sociedad em Old Trafford e venceu por de 1 a 0. O gol solitário foi marcado pelo zagueiro espanhol Iñigo Martínez, contra, logo no minuto inaugural. Com o resultado, o time inglês chegou a sete pontos, assumindo a liderança do Grupo A. Por sua vez, a equipe do País Basco segue sem pontuar na competição.

Veja fotos dos jogos da Liga dos Campeões:

Tevez e Sergio Ramos disputam a bola pelo alto durante o jogo entre Juventus e Real Madrid na Espanha. Foto: Andres Kudacki/APLlorente comemora gol da Juventus no Santiago Bernabeu. Foto: Paul White/APCristiano Ronaldo comemora gol do Real Madrid sobre a Juventus pela Liga dos Campeões. Foto: APIgor Vetokele tenta cabeceio pelo Copenhague contra o Real Madrid. Foto: APOscar Cardozo tenta marcar pelo Benfica de bicicleta contra o Olympiacos. Foto: Armando Franca/APAlejandro Dominguez (à esquerda) comemora gol do Olympiacos sobre o Benfica. Foto: Armando Franca/APRooney recebe no meio da defesa da Real Sociedad e tenta finalização pelo Manchester United. Foto: Jon Super/APJogadores do Manchester United comemoram gol contra a Real Sociedad no Old Trafford. Foto: Jon Super/APMatias Suarez tenta passar no meio da marcação do PSG em ataque do Anderlecht. Foto: Geert Vanden Wijngaert/APZlatan Ibrahimovic passa pelo goleiro do Anderlecht e abre o placar para o PSG. Foto: Yves Logghe/APRibery chuta para abrir o placar para o Bayern em Munique. Foto: Matthias Schrader/APDaniel Kolar, do Viktoria Plzen, tenta bater para o gol, mas é travado por Contento. Foto: Kerstin Joensson/APStefan Kiessling comemora gol do Bayer Leverkusen sobre o Shakhtar. Foto: Frank Augstein/APEmre Can, do Bayer Leverkusen, arrisca bicicleta contra o Shakhtar. Foto: Frank Augstein/APFernandinho arrisca lançamento em ataque do Manchester City contra o CKSA. Foto: Ivan Sekretarev/APSergio Agüero comemora com Kolarov gol do Manchester City. Foto: Ivan Sekretarev/AP

O jogo 

Seis mil torcedores da Real Sociedad estiveram presentes em Old Trafford e viram a partida começar da pior maneira possível. No minuto inicial, Rooney recebeu de Evra na ponta esquerda, invadiu a área, livrou a marcação e carimbou a trave esquerda de Cláudio Bravo com um chute firme. No rebote, o zagueiro Iñigo Martínez tentou afastar, mas anotou o gol contra em favor do Manchester United.

Aos 13 minutos, Rooney ficou muito perto de marcar o segundo. Ele concluiu de primeira um cruzamento da ponta direita e obrigou Bravo a se esticar para espalmar. Seis minutos mais tarde, o Manchester United voltou a balançar as redes, mas de maneira irregular: em escanteio curto, Giggs tabelou com Rooney e cruzou com precisão para Chicharito Hernández concluir de cabeça para o gol. Porém, o mexicano estava em posição adiantada.

Com dois de Ronaldo, Real Madrid vence Juventus e segue 100% no Grupo B

A primeira finalização perigosa da Real Sociedad veio apenas aos 28 minutos. Seferovic partiu sozinho com a bola dominada, fintou Jones e finalizou firme. A bola desviou no zagueiro e obrigou De Gea a buscá-la em seu ângulo esquerdo. Aos 41, os bascos voltaram a assustar: em cobrança de falta na meia esquerda, Griezmann finalizou colocado e, caprichosamente, acertou a trave direita.

Em desvantagem no marcador, os comandados de Jagoba Arrasate tentaram surpreender o United nos instantes inaugurais da etapa complementar. Em sua primeira investida ofensiva, Griezmann avançou pela ponta esquerda e cruzou na área. Carlos Vela se esticou mas não conseguiu concluir para o gol. Porém, o United soube conter a pressão dos visitantes e quase marcou o segundo tento aos oito minutos. Kagawa cruzou com precisão da ponta esquerda, Jones testou com firmeza mas parou em Cláudio Bravo, que praticou mais uma difícil defesa.

Bayern de Munique goleia Viktoria Plzen, segue 100% e mantém vantagem na ponta

Voltando a ditar o ritmo de jogo, o Manchester United criou várias chances para ampliar o marcador. As principais delas, nos pés de Valencia. Aos 17, o equatoriano recebeu passe de Rooney na ponta direita, invadiu a área e finalizou firme, carimbando a trave direita do goleiro chileno. Dois minutos mais tarde, o camisa 25 invadiu a área e cruzou para trás, mas Kagawa foi travado no instante da finalização.

No fim de partida, os ingleses voltaram a desperdiçar chances para alargar o marcador: aos 36 minutos, Wayne Rooney partiu livre pela intermediária e bateu colocado, mas viu Bravo voar para segurar a pelota. Quatro minutos mais tarde, o camisa 10 invadiu a área e cruzou rasteiro para Ashley Young. Porém, o atacante, que substituiu Chicharito Hernández na etapa complementar, fora travado em grande saída do goleiro chileno, que com os pés evitou o segundo gol inglês. O arqueiro foi o grande destaque da partida.

Completando o grupo, o Bayern Leverkusen recebeu o Shakhtar Donetsk e aplicou uma sonora goleada nos ucranianos: 4 a 0. Os gols do triunfo alemão foram marcados por Rolfes, Sam e Kiessling, duas vezes. Agora, a equipe germânica ocupa a vice-liderança da chave, com seis pontos, ao passo que o clube dos brasileiros Ilsinho e Bernard segue no terceiro posto, com quatro.

Na próxima rodada, a primeira do segundo turno, o Manchester United visita a Real Sociedad em San Sebastián, enquanto que o Shakhtar recebe o Bayern Leverkusen em Donetsk. Ambas partidas acontecerão no dia 5 de novembro, quinta-feira.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas