Guardiola e Tito Vilanova se encontram em Barcelona e esclarecem atrito

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Ex-zagueiro e técnico do Barcelona não teria dado o apoio a Tito Vilanova, seu ex-auxiliar, que se trata de um tumor na glândula parótida

Reuters
Guardiola conversa com seu auxiliar (e sucessor) Tito Guardiola durante o jogo

Pep Guardiola e Tito Vilanova apararam as arestas. De acordo com informações publicadas pelo jornal catalão Mundo Deportivo nesta terça-feira, os dois últimos treinadores do Barcelona se encontraram na cidade espanhola, conversaram na casa do atual comandante do Bayern de Munique e encerraram qualquer tipo de mal entendido que tenha abalado a amizade deles.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Segundo o diário, Guardiola se dirigiu de Munique a Barcelona e chegou à capital da Catalunha por volta das 12 horas (horário local) de segunda-feira. Assim que aterrissou em território espanhol, foi a sua residência e se encontrou com Tito Vilanova, que chegou com seu próprio carro. Os dois, de acordo com o Mundo Deportivo, permaneceram reunidos até às 18h30, quando o ex-auxiliar de Guardiola foi embora. Cinco minutos mais tarde, o técnico do Bayern também deixou o local e foi até o aeroporto para voltar à Alemanha.

Segundo a publicação, Guardiola e Vilanova se acertaram e esclareceram qualquer tipo de informação divulgada sobre o relacionamento de ambos. Além disto, conversaram sobre as declarações dadas pelos dois e prometeram tratar de possíveis problemas internamente.

A polêmica entre Guardiola e Vilanova iniciou-se há alguns meses. Assim que deixou o Barcelona, o ex-camisa 4 da equipe blaugrana foi passar um ano sabático em Nova York e deixou o comando azul-grená com Vilanova, seu ex-auxiliar. No entanto, o substituto passou a sofrer com problemas de saúde - tumor na glândula parótida em duas oportunidades - e, segundo suas próprias declarações, não recebeu apoio de Guardiola. Pep, por sua vez, disse que, a culpa de ter se ausentado não era sua.

No fim, Vilanova teve de deixar o banco de reservas do Barcelona em definitivo no início do ano, abrindo espaço para Gerardo Martino, e agora se dedica somente ao tratamento do câncer. De acordo com a imprensa espanhola, aliás, a torcida do Barcelona fará um mosaico em homenagem ao treinador antes do clássico deste sábado, contra o Real Madrid, às 14 horas (de Brasília), no Camp Nou.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas