Atlético de Madri goleia fora de casa e aumenta vantagem. Porto se complica

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

O brasileiro Diego Costa marcou duas vezes na vitória dos espanhóis fora de casa diante do Austria Viena

O Atlético de Madri continua fazendo bonito nesta Liga dos Campeões. Pelo Grupo G, a equipe alcançou sua terceira vitória em três jogos disputados. Os comandados por Diego Simeone não tomaram conhecimento do Austria Viena e acabaram derrotando o rival em seus domínios por 4 a 0, com dois gols de Diego Costa e um de Raúl Garcia e Koke. Porto e Zenit continuam lutando pela segunda vaga no grupo. Os russos venceram em Portugal por 1 a 0, com gol de Kerzhakov.

Milan abre o placar com jogada brasileira, mas cede empate ao Barcelona

Após os resultados desta terça, o Atlético de Madri lidera com folga, com nove pontos. O Zenit está em segundo, com quatro pontos, seguido do Porto com três. O Austria Viena é o lanterna do Grupo G, com um ponto.

Austria Viena x Atlético de Madri 
Os colchoneros foram logo ao gol. Com oito minutos de jogo, Filipe Luís veio em velocidade e ficou cara a cara com o goleiro do Austria Viena. Ele acabou dando de presente o gol para Raúl Garcia que não teve problemas para abrir o placar.

Reuters
Diego Costa comemora um de seus gols pelo Atlético de Madri

O segundo gol do Atlético foi uma pintura. Aos 20 minutos, Diego Costa saiu da intermediária e foi conduzindo a bola, na área driblou um defensor e bateu cruzado para fazer o gol dos espanhóis.

Aos 35, bonita troca de passes entre Filipe Luís e Koke, depois passaram para Diego Costa que isolou uma boa oportunidade do Atlético. O Austria Viena deu um grande susto aos 38, quando Hosiner aproveitou um cruzamento e mandou de voleio que explodiu na trave defendida por Courtois.

Borussia Dortmund derrota o Arsenal em Londres e assume a liderança do grupo F

No segundo tempo, Emiliano Insúa que havia acabado de substituir Filipe Luís, que saiu lesionado, fez boa jogada na lateral e cruzou para Diego Costa fazer o terceiro gol do Atlético, de cabeça, aos 8 minutos.

Raúl García teve boa chance aos 35 minutos da segunda etapa, quando chutou e a bola acabou raspando em um defensor do Austria Viena, obrigando boa defesa do goleiro. Aos 44, Koke recebeu belo pase de Adrián e mandou para o fundo do gol dos austríacos. 4 a 0 para o Atlético.

Porto x Zenit
O começo de jogo foi conturbado para os portugueses. O mexicano Héctor Herrera fez uma falta dura sobre Hulk, aos 5 minutos. Na cobrança, Herrera se adiantou na barreira e acabou tomando o segundo amarelo, no minuto seguinte. Consequentemente acabou expulso.

Aos 11, Hulk mandou um belo chute no gol do Porto. A bola passou muito perto da trave esquerda do goleiro Hélton. Lucho González também arriscou e quase abriu o marcador. O argentino carimbou o poste defendido por Lodigin. No rebote, Licá mandou a bola para longe.

Com dois gols de Fernando Torres, Chelsea derruba o Schalke na Alemanha

Hulk teve a primeira boa oportunidade do segundo tempo. O brasileiro roubou a bola do zagueiro do Porto, Nicolás Otamendi, e mandou à queima roupa para o goleiro Hélton, que fez ótima defesa com o pé. O brasileiro Hulk estava imparável. Aos 25, ele tentou de longa distância e quase surpreendeu Hélton, que estava ligado no lance.

Apesar de estar em inferioridade númerica, o Porto teve boa oportunidade com Varela, aos 34 da segunda etapa. O atacante fez boa jogada individual que acabou na trave dos russos. Aos 41, Hulk fez bom cruzamento e achou Kerzhakov, livre, fazer de cabeça o gol da vitória russa. Otamendi e Jackson Martínez ainda tentaram empatar para os portugueses, mas o goleiro Lodigin respondeu bem as chances dos portugueses.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas